Dissertação

Operação de rede em ilha em situação de contingência EVALUATED

As redes de baixa tensão que funcionam em ilha encontram-se divididas em dois grandes sistemas, o sistema de geração por norma, composto por um gerador diesel que asseguram o fornecimento de energia eléctrica, o outro grande sistema é o sistema de carga. Nas indústrias que em caso de emergência as suas redes podem funcionar em ilha o estudo do seu tipo de carga é essencial para avaliar todo o sistema. No entanto, cada vez mais os sistemas de geração destas redes, a diesel, encontram-se auxiliados por centrais fotovoltaicas, pois cada vez mais as empresas encontram-se pressionadas para diminuir a sua factura energética e por consequência a sua pegada ambiental. No entanto, hoje em dias os seguidores de máxima potência que controlam estas micro centrais fotovoltaicas não se encontram programados para trabalhar em ilha, apenas se encontram programados para trabalhar com rede de baixa tensão industrial ligada à rede de distribuição. Desta forma, sempre que em caso de emergência existe necessidade da rede de baixa tensão industrial ficar numa situação de ilha, não se conhece como a microgeração irá evoluir e se a mesma permitirá o funcionamento correcto do gerador. Com diferentes ensaios, conclui-se que toda a microgeração funciona correctamente sempre que não existam grandes perturbações da frequência e da tensão da rede. Sempre que existem grandes flutuações destas variáveis. As centrais fotovoltaicas saem de serviço. Em suma, a microgeração fotovoltaica não se encontra preparada para funcionar em ilha.
Geradores Diesel, Máquina Síncrona, Sistemas Fotovoltaicos, Redes de Baixa Tensão

Maio 23, 2017, 15:30

Publicação

Obra sujeita a Direitos de Autor

Orientação

ORIENTADOR

José Fernando Alves da Silva

Departamento de Engenharia Electrotécnica e de Computadores (DEEC)

Professor Catedrático

ORIENTADOR

Sónia Maria Nunes dos Santos Paulo Ferreira Pinto

Departamento de Engenharia Electrotécnica e de Computadores (DEEC)

Professor Auxiliar