Dissertação

A comparison of internal grid topologies of offshore wind farms regarding reliability analysis EVALUATED

Na última década, os parques eólicos offshore surgiram como uma relevante fonte de energia renovável, que comparativamente aos parques eólicos onshore, se caracterizam por maior intensidade de vento, mas maior investimento e custos de operação e manutenção. Isto realça a importância do aumento de fiabilidade, pois a ocorrência de uma falha pode resultar em elevados tempos de indisponibilidade, pela inacessibilidade do parque durante condições climatéricas adversas. Neste trabalho é realizada uma análise de fiabilidade da rede interna do parque eólico offshore, comparando diferentes topologias e os seus benefícios económicos. Como as interrupções na produção de energia levam a uma perda na receita, o objetivo é determinar a topologia que encontra o equilíbrio entre uma boa fiabilidade e um custo aceitável. De forma a aumentar a fiabilidade de uma topologia, são usadas redundâncias entre cada dois conjuntos de geradores ou entre dois conjuntos de pares já redundantes. Também são consideradas duas abordagens para o dimensionamento dos cabos. Os resultados demonstram que a utilização de uma redundância apresenta um Valor Atual Líquido positivo e uma Taxa Interna de Retorno interessante, aos olhos de um investidor. É mais lucrativo dimensionar os cabos de forma a suportar o cenário de operação nominal em vez de lidar com todos os cenários de falhas. A topologia que apresenta os melhores resultados económicos e um bom resultado de fiabilidade é a topologia onde os cabos são dimensionados para suportar o cenário de operação nominal, com uma redundância, no meio, entre cada dois conjuntos de geradores.
Parque Eólico Offshore, Topologia da Rede Interna, Analise de Fiabilidade, Avaliação Económica, Redundância, Dimensionamento do Cabo

Julho 12, 2017, 15:30

Publicação

Obra sujeita a Direitos de Autor

Orientação

ORIENTADOR

Rui Manuel Gameiro de Castro

Departamento de Engenharia Electrotécnica e de Computadores (DEEC)

Professor Auxiliar