Dissertação

{pt_PT=Aderência entre varões de aço e betão com baixa dosagem de ligante e incorporação de agregados reciclados} {} EVALUATED

{pt=As emissões de CO2 resultantes da produção de cimento Portland, assim como os resíduos de construção e demolição (RCD) resultantes da construção/reabilitação do edificado, têm levado a comunidade científica internacional a procurar encontrar soluções alternativas que promovam a sustentabilidade ambiental e económica do setor da construção. Ao nível do material estrutural, duas das possíveis soluções consistem na adoção de betão com baixa dosagem de ligante (LBC – low binder concrete) e no betão com baixa dosagem de cimento e com incorporação de agregados reciclados (LCRAC – low cement reclycled aggregates concrete). A presente dissertação pretende contribuir para o estudo da viabilidade da utilização estrutural dos LBC e LCRAC, em particular no que respeita à ligação varão-betão. Neste âmbito, o programa experimental inclui a realização de ensaios de arrancamento (pull-out tests) em regime monotónico que visam o estudo da influência da modificação das composições dos LBC e dos LCRAC na aderência varão de aço-betão, nomeadamente a influência da compacidade do betão, da distribuição granulométrica e da incorporação dos agregados reciclados em volume. As principais conclusões são: (1) a compacidade dos LBC e LBRAC tem um impacto positivo na aderência, tanto para estados limites de utilização, como para estados limites últimos, e (2) a dimensão dos agregados naturais deve ser inferior ao afastamento entre as nervuras transversais dos varões, ao passo que a dimensão dos agregados reciclados deve ser superior a esse valor, podendo, caso contrário, prejudicar a aderência varão-betão., en=The CO2 emissions from the production of cement and the large-scale production of construction and demolition waste (CDW) have led the scientific community to seek alternative solutions in order to achieve the environmental and economic sustainability of the construction sector. At the structural level, two of the possible proposed solutions are low binder concrete (LBC) and low cement and recycled aggregate concrete (LCRAC). This dissertation intends to analyze the viability of the structural use of LBC and LCRAC by studying the bond behavior of each of the concrete’s to reinforcing bars. To that end, the experimental program includes the performance of monotonic pull-out tests, testing the influence of LCB and LCRAC mixtures on bond behavior, and, in addition, the influence of packing density {0,82; 0,84; 0,86}, the aggregates’ optimization distribution (Alfred and Faury curve) and the incorporation of recycled aggregates {30%; 55%; 80%}. From these experimental procedures, the following main conclusions were made: (1) LBC and LCRAC’s packing densities have a positive effect on bond behavior at serviceability and ultimate limit states, and (2) whereas natural aggregates’ size should be smaller than the rebar’s ribs spacing, the size of recycled aggregates must be larger than such seeing as, otherwise, recycled aggregates may be harmful to the bond mechanism between concrete and rebars. Furthermore, this study asserts, based on four unique studies and in the Model Code 2010, a new and innovative proposal for the bond-slip relationship law that contemplates every variable under discussion. }
{pt=sustentabilidade, betão com baixa dosagem de ligante, betão de elevada compacidade, agregados reciclados de RCD, aderência-deslizamento varão-betão, en=sustainability, low binder/cement concrete, packing density, recycled aggregate concrete, bond behavior rebar-concrete, bond-slip relationship}

Julho 17, 2019, 14:30

Orientação

ORIENTADOR

Ana Sofia Miranda da Silva Louro

Laboratório Nacional de Engenharia Civil

Bolseira Pós-Doutoramento

ORIENTADOR

Eduardo Nuno Brito Santos Júlio

Departamento de Engenharia Civil, Arquitectura e Georrecursos (DECivil)

Professor Catedratico