Dissertação

{pt_PT=Multidisciplinaridade e acessibilidade na representação patrimonial em HBIM. Casa de Santa Maria (Cascais) - Um caso de estudo} {} EVALUATED

{pt=Vivemos um momento de crescente consciência social relativa ao valor do património cultural, herança simbólica da evolução humana, possivelmente como resultado da igualmente crescente noção da sua vulnerabilidade. Bens materiais e imateriais são classificados como património quando a sua importância histórica e cultural é reconhecida como identitária. Este título funciona como disseminador, mas deve servir essencialmente como protetor: é da responsabilidade humana criar, salvaguardar e preservar património. No que toca ao património arquitetónico, a salvaguarda passa em primeiro lugar pela sua rigorosa documentação, hoje em dia manifestamente insuficiente. Ao analisar os métodos de representação arquitetónica de projetos contemporâneos, encontramos, entre outros, Building Information Modeling (BIM) — uma tecnologia integradora, multidisciplinar, precisa. Logicamente, para documentar património arquitetónico são cruciais estas mesmas qualidades, às quais se devem ainda somar tantas outras. Surgiu, por isso, o conceito de Historic Building Information Modeling (HBIM), presentemente numa fase precoce de implementação generalizada. Por esta razão, a dissertação aqui apresentada procura contribuir para o reconhecimento e difusão do método. Evidenciam-se as vantagens, que largamente se superiorizam aos obstáculos do processo (também indicados), mediante a experiência prática — representação HBIM, através do Software Autodesk Revit 2020, da Casa de Santa Maria, em Cascais, projetada por Raul Lino. Pretende-se demonstrar o potencial de integração e comunicação de diversos dados geométricos e não geométricos. Destaca-se o resultado obtido no âmbito da divulgação do modelo tridimensional, com a criação de um website integrador de uma plataforma de visualização., en=We are living in a moment of growing social awareness about the value of cultural heritage, the symbolic bequest of human evolution, possibly as a result of the equally growing notion of its vulnerability. Material and immaterial goods are classified as heritage when their historical and cultural importance is recognized as identitary. This title acts as a disseminator, but it must essentially serve as a protector: it is the human responsibility to create, safeguard and preserve heritage. As far as architectural heritage is concerned, safeguard derives firstly from its rigorous documentation, nowadays manifestly insufficient. In analyzing the methods of architectural representation of contemporary projects, we find, among others, Building Information Modeling (BIM) — an integrative, multidisciplinary, precise technology. Logically, in order to document architectural heritage, these same qualities are crucial, to which many more must be added. Therefore, the concept of Historic Building Information Modeling (HBIM) has emerged, currently at an early stage of widespread implementation. For this reason, the presented dissertation seeks to contribute to the recognition and dissemination of the method. The advantages, which largely outweigh the obstacles of the process (also indicated), are evidenced by practical experience — HBIM representation, through the Autodesk Revit 2020 Software, of Casa de Santa Maria, in Cascais, designed by Raul Lino. The aim is to demonstrate the potential for integration and communication of various geometric and non-geometric data. Noteworthy is the result obtained regarding the dissemination of the three-dimensional model, with the creation of a website which integrates a viewing platform.}
{pt=Historic BIM (HBIM), BIM, Modelação paramétrica, LOD, Casa de Santa Maria (Cascais), en=Historic BIM (HBIM), BIM, Parametric modeling, LOD, Casa de Santa Maria (Cascais)}

Novembro 19, 2019, 12:0

Orientação

ORIENTADOR

Ana Paula Filipe Tomé

Departamento de Engenharia Civil, Arquitectura e Georrecursos (DECivil)

Professor Auxiliar