Dissertação

Characterization of echoes: toy models and compact objects EVALUATED

Apesar de mais de um século de verificação experimental, a teoria da Relatividade Geral não é a teoria final da gravitação uma vez que é incompatível com a teoria quântica. As recentes e próximas deteções de ondas gravitacionais oriundas da fusão e coalescência de sistemas binários de objectos compactos e massivos permitem o acesso à física de altas energias junto do horizonte de eventos de buracos negros, onde os efeitos gravitacionais quânticos presumivelmente surgem. Em particular, estas perturbações quânticas fariam com que a natureza negra dos buracos negros ficasse comprometida, tendo como consequência a presença de uma sequência de ecos no estágio do ringdown do sinal da onda gravitacional. Sendo assim, é de enorme importância que haja uma forma rigorosa de isolar os ecos do sinal e de extrair a informação quântica de cada um deles. Neste trabalho apresentamos uma primeira e geral equivalência matemática entre a estrutura refletiva no horizonte e a existência de ecos. Para além disto, propomos uma forma de analiticamente isolar o sinal de cada eco mostrando que se pode escrever na forma de uma série de Dyson, para qualquer potencial efetivo, condições fronteira e fontes. Os Capítulos 3 e 4 deste trabalho estão contidos no recém-publicado artigo Characterization of echoes: A Dyson-series representation of individual pulses na Physical Review D.
Ecos, ondas gravitacionais, buracos negros, horizonte de eventos, Relatividade Geral, série de Dyson.

Junho 6, 2018, 14:0

Publicação

Obra sujeita a Direitos de Autor

Orientação

ORIENTADOR

Vítor Manuel dos Santos Cardoso

Departamento de Física (DF)

Professor Catedrático