Dissertação

Production and Purification of the p16INK4a: A Naked Mole-Rat’s Resistance Protein to Cancer EVALUATED

O presente trabalho teve como objectivo a purificaçao da proteína p16INK4a do rato-toupeira com o objectivo de realizar experiências de NMR. Estas experiências serviriam para a obtenção da informação necessária para determinação da sua estrutura tridimensional. O rato careca (Heterocephalus glaber) é um mamífero extraordinário no qual cancro espontâneo nunca foi observado. Experiências mostram que a proteína p16INK4a, codificada no loco INK4a/ARF, é uma peça importante na supressão de tumores através da sua participação na inibição por contacto precoce, um mecanismo inexistente em células humana. Adicionalmente, o loco encontra-se unicamente transformado nesse animal, produzindo uma forma da proteína menos extensa. Assim, análise da estrutura e função de p16INK4a poderá dar novas informações sobre o papel desta proteína no cancro. Inicialmente, o plasmídeo pET28B em E. coli BL21 (DE3) foi usado, produzindo p16 com uma cauda de histidinas, e numa segunda fase o plasmídeo pGEX-4T1 em E. coli BL21 (DE3) foi usado, produzindo p16 com GST ligado ao “N-terminus” da proteína. Em ambas construções, falhou-se os objectivos de concentração de p16 desejados. Conclui-se com o trabalho que p16 tem uma tendência natural para a precipitação, assim alternativas possíveis passam pela utilização de parceiros proteicos de fusão mais solúveis, expressão conjunta com chaperonas, ou mesmo realizar experiências NMR e cristalografia raios X com GST-p16.
p16INK4a, rato-toupeira, purificação, produção, NMR, cancro

Novembro 30, 2012, 14:0

Documentos da dissertação ainda não disponíveis publicamente

Orientação

CO-ORIENTADOR

Alexander Dikiy

Norwegian University of Science and Technology

Professor Associado

ORIENTADOR

Maria Ângela Cabral Garcia Taipa Meneses de Oliveira

Departamento de Bioengenharia (DBE)

Professor Auxiliar