Dissertação

Modelação Matemática da Migração de Substâncias do Material de Embalagens Plásticas para Produtos Alimentares com Recurso ao Software AKTS. Avaliação de Modelos e Previsão de Riscos Alimentares. EVALUATED

Dada a grande desconfiança por parte do mercado consumidor no que toca às embalagens plásticas e o risco que estas apresentam ou não para a saúde pública, a Logoplaste - empresa produtora de embalagens plásticas - tendo como um dos seus valores assegurar sempre e à primeira a alta qualidade dos seus produtos, quis avaliar um sistema de simulação da migração de substâncias do material plástico para os produtos alimentares e perceber se esse sistema poderia substituir os actuais ensaios laboratoriais obrigatórios. Assim, surgiu este trabalho que teve como objectivo a avaliação de um modelo matemático, com recurso a um software informático - AKTS - que simula o processo de migração. Para isso, fizeram-se inúmeras simulações a várias famílias de embalagens Logoplaste, utilizando diferentes substâncias como modelo de migrante. O modelo matemático que se estudou considera o pressuposto de que a transferência de massa do material de embalagem para os alimentos é um processo de difusão, descrito pela Segunda Lei de Fick. Com isto, conclui-se que na grande maioria dos casos este modelo, através do programa AKTS, é válido e pode substituir os ensaios laboratoriais. Existem algumas excepções: embalagens feitas em HDPE e de baixa capacidade, quando as substâncias a analisar são de peso molecular inferior a 200g/mol; ou em embalagens de PP quando as substâncias a analisar fazem parte de um grupo específico de moléculas químicas.
Migração, Modelo matemático, AKTS, embalagens plásticas.

Novembro 23, 2009, 16:0

Publicação

Obra sujeita a Direitos de Autor

Orientação

CO-ORIENTADOR

Maria Eugenia Zacarias

LOGOPLASTE TECHNOLOGY

Especialista

ORIENTADOR

Marília Clemente Velez Mateus

Departamento de Engenharia Química e Biológica (DEQB)

Professor Auxiliar