Disciplina Curricular

Biologia Estrutural BEst

Mestrado Integrado em Engenharia Biológica - MEBiol 2006

Contextos

Grupo: MEBiol 2006 > 2º Ciclo > Opções

Período:

Peso

6.0 (para cálculo da média)

Objectivos

Pretende-se fornecer ao aluno conhecimentos sobre metodologias físicas que permitam obter uma informação quantificada sobre a estrutura e dinâmica de sistemas bioquímicos a nível molecular, bem como envolvendo uma complexidade superior a nível celular. Além do conhecimento das potencialidades e limitações de cada metodologia, das quais deverá obter conhecimento dos seus princípios básicos, deverá ainda ficar com capacidade de desenhar aproximações múltiplas a um problema específico em estudo, utilizando a complementaridade dos vários métodos. Em alternativa, poderá também visar a obtenção de informação idêntica por distintas técnicas, pretendendo uma confirmação independente das propriedades do sistema. Por último o aluno deverá ficar com conhecimentos que lhe permitam um entendimento global dos sistemas bioquímicos, no âmbito das outras unidades curriculares que frequenta.

Programa

-Biofísica de membranas: sistemas modelo (vesículas e membranas suportadas) vs. membranas celulares. Separação de fases, domínios em membranas e relevância biológica. Colesterol, fases ordenadas, e conceito de jangadas lipídicas. - Metodologias de simulação a nível atómico, e obtenção de informação estrutural e dinâmica em proteínas e membranas. Parâmetros termodinâmicos. - Difracção de raios-X e estrutura de proteínas. Rede cristalina, célula unitária, unidade assimétrica, lei Bragg; problema da fase e sua resolução. - Metodologias de fluorescência. Estado estacionário e métodos de resolução temporal. Anisotropia de fluorescência, informação dinâmica e estudo de interacções. FRET. - NMR em biologia de proteínas: estrutura, dinâmica, relaxação e interacções. - Microscopia de força atómica: imagem, topografia e curvas força-distância. - Técnicas avançadas de microscopia de fluorescência: microscópio confocal e de excitação bifotónica, FRET e FRET-FLIM, e informação dinâmica por FCS e FRAP. Super-resolução em microscopia. - EM e Cryo-EM. Microscopias de varrimento vs. transmissão.

Metodologia de avaliação

O método de ensino será baseado em aulas teóricas e estudo acompanhado pelos docentes. Para as aulas teóricas serão ainda considerados convites a especialistas na zona de Lisboa, ou eventuais visitantes que sejam especialistas dos temas da unidade curricular, ou que permitam introduzir aos alunos novas metodologias. Aos estudantes será solicitada assiduidade nas aulas teóricas, bem como a realização de duas apresentações sobre temas distintos, com discussão posterior pelos docentes e pelo curso, e uma monografia sobre um dos temas. A escolha destes trabalhos poderá resultar de pesquisa bibliográfica efectuada pelos alunos, ou de sugestões do docente. No caso de escolha pelos alunos será sempre apresentada uma proposta ao docente, a fim de confirmar que o tema se insere na Biofísica Molecular e Celular. Aquando das discussões dos trabalhos, também cada aluno deverá preparar e liderar a discussão de uma apresentação de um colega, antes de esta ser generalizada ao curso. A classificação final será ponderada com 70% (apresentações), 20% (monografia) e 10% (participação activa nas aulas).

Disciplinas Execução

2018/2019 - 2ºSemestre

2017/2018 - 2ºSemestre

2016/2017 - 2ºSemestre

2015/2016 - 2º Semestre

2014/2015 - 2º Semestre

2013/2014 - 2 Semestre

2012/2013 - 2 Semestre

2011/2012 - 2 Semestre

2010/2011 - 2 Semestre

2009/2010 - 2 Semestre

2008/2009 - 2 Semestre

2007/2008 - 2 Semestre

2006/2007 - 2 Semestre