Dissertação

{pt_PT=Bayesian Network Modelling of Port State Control Inspections} {} EVALUATED

{pt=Os regimes de Controlo pelo Estado do Porto (Port State Control - PSC) foram desenvolvidos após vários acidentes marítimos importantes, permitindo aos países inspecionar navios registrados em portos diferentes daqueles do estado de bandeira e tomar medidas contra navios que não estão em conformidade com as regulamentos internacionais. Na presente dissertação são caracterizados os fatores de risco adotados na definição do Perfil do Risco do Navio utilizado para seleção de navios para inspeções no âmbito do Novo Regime de Inspeção do MoU (Memorandum of Understanding) de Paris de Controlo pelo Estado do Porto. Além disso, são analisadas as inspeções do PSC em dois portos, o porto de Salónica e porto de Liverpool, em termos de tipo e idade dos navios e outros fatores que influenciam o risco do navio. Além disso, os resultados das inspeções também são analisados em termos de detenções e número e tipo de deficiências encontradas nos dois portos. Finalmente, quatro modelos de redes Bayesiana são desenvolvidos usando os dados das inspeções do Controlo pelo Estado do Porto. Dois dos modelos são utilizados para analisar o porto de Salónica e dois modelos para o porto de Liverpool. Os dois primeiros modelos de redes Bayesianas, um para cada porto, são usados para analisar como fatores de risco como a bandeira, a idade, a sociedade classificadora, etc. influenciam o número de deficiências e a detenção dos navios. Os outros dois modelos incidem nas categorias de deficiências, e como os fatores de risco influenciam deficiências específicas dos navios., en=The Port State Control (PSC) regimes have been developed after several important maritime accidents allowing countries to inspect foreign-registered ships in port other than those of the flag state and take action against ships that are not in compliance with international rules. In the present research, the risk influencing factors adopted in the definition of the Ship Risk Profile used for selecting ships for inspections under the New Inspection Regime of the Paris Memorandum of Understanding (MoU) on Port the State Control are characterized. Moreover, the PSC inspections at two ports, Thessaloniki and Liverpool ports, are analyzed in terms of type and age of ships and other factors influencing the ships’ risk. In addition, the results of inspections in terms of detentions and number and type of deficiencies found at the two ports are analyzed. Finally, four Bayesian network models are developed using the data from Port State Control inspections. Two models are used to analyze the Thessaloniki port and two models the Liverpool port. The first two Bayesian network models, one for each port, are used to assess how risk factors such as the flag, the age, the recognized organization among others, influence the number of deficiencies and the detention of the ship. The other two models focus on the categories of deficiencies and how the risk factors influence specific deficiencies.}
{pt=Controle pelo Estado do Porto, Perfil de Risco do Navio, Registos de Inspeções; Rede Bayesiana, Fatores de risco., en=Port state Control, Ship Risk Profile, Inspection data; Bayesian Network, Risk factors.}

Julho 10, 2019, 15:0

Orientação

ORIENTADOR

Ângelo Manuel Palos Teixeira

Departamento de Engenharia Mecânica (DEM)

Professor Associado