Dissertação

{en_GB=Nanostructured films for controlled release of drugs and applications in glaucoma treatment} {} EVALUATED

{pt=O glaucoma é uma doença ocular degenerativa causada pela inflamação do nervo ótico que, por sua vez, conduz a um aumento de pressão intraocular (IOP) podendo resultar na perda total da visão. O tratamento, numa fase inicial, passa pela administração de fármacos, como a brimonidina, que têm como função aliviar a IOP. Contudo, a brimonidina é administrada através de gotas oculares e, a baixa adesão dos pacientes para a sua auto-administração, leva a um agravamento da doença. Esta tese contribui para o desenvolvimento de filmes biocompatíveis que permitem a libertação controlada de brimonidina e que podem servir de revestimento a um dispositivo intraocular que liberte este fármaco in situ e de forma autónoma. Os filmes, obtidos através da técnica de camada-sobre-camada, foram constituídos por monocamadas de brimonidina encapsulada em poly (beta -ciclodextrina) alternadas com monocamadas de um polímero hidrossolúvel (poly ( beta-amino éster)) e/ou folhas de grafeno oxidado que permitiram a libertação do fármaco de uma forma controlada. O crescimento dos filmes e a cinética de libertação da brimonidina foram caracterizados e monitorizados por microbalança de cristal de quartzo, espectroscopia do ultravioleta visível e microscopia de foça atómica. Os resultados revelaram que os filmes são estáveis e que a libertação da brimonidina pode ser controlada quer pelo polímero hidrossolúvel quer pelas folhas de grafeno. Nomeadamente, verificou-se que a presença de folhas de grafeno oxidado atrasa significativamente a libertação de brimonidina permitindo, desta forma, controlar com precisão a quantidade de fármaco libertada durante um determinado intervalo de tempo., en=Glaucoma is an ocular degenerative disease caused by optical nerve inflammation which leads to an intraocular pressure (IOP) increase which can lead to total loss of vision. Its treatment, at initial stage, is based on brimonidine administration which allows the decrease of IOP. However, this drug is applied by means of ocular drops and the patients noncompliance causes the disease worsening. This thesis allowed the development of biocompatible films that can work as coatings to an intraocular device in order to release the brimonidine autonomously and in situ. The films, obtained by layer-by-layer technique, were composed of brimonidine monolayers encapsulated in poly (beta -cyclodextrin) alternated with monolayers of a hydrossoluble polymer (poly ( beta-amino ester)) and/or graphene oxide that allow a precise drug release. The films growth and the drug release kinetics were monitorized by ultraviolet-visible spectroscopy, quartz crystal microbalance and atomic force microscopy. The obtained results showed that the films are stable and the drug release can be controlled by the presence of the hydrossoluble polymer and the graphene oxide. In particular, it was observed that the graphene oxide delays significantly the brimonidine release enabling the precise control of the amount of drug delivered in a specific interval of time.}
{pt=Glaucoma, camada-sobre-camada, libertação controlada de fármacos, polímeros biodegradáveis, brimonidina, óxido de grafeno., en=Glaucoma, controlled drug delivery, layer-by-layer, biodegradable polymers, brimonidine and graphene oxide.}

Junho 23, 2016, 17:0

Publicação

Obra sujeita a Direitos de Autor

Orientação

ORIENTADOR

Quirina Alexandra Tavares Ferreira

Electrónica Orgânica do Instituto de Telecomunicações

Doutora

ORIENTADOR

Jorge Manuel Ferreira Morgado

Departamento de Bioengenharia (DBE)

Professor Associado