Dissertação

Modelling Progression in Video Games EVALUATED

Os jogos de hoje em dia dependem bastante do conteúdo gerado, de modo a cativar os jogadores a jogar várias vezes o mesmo jogo. A maioria dos jogos endless-running de plataformas gera o seu conteúdo com base na duração da sessão de jogo, ignorando completamente a habilidade do jogador. Neste trabalho é proposto um modelo de progressão em videojogos através da medição das taxas de sucesso do jogador em ultrapassar os vários desafios de um jogo. O modelo será usado para determinar os próximos desafios do jogo a serem apresentados ao jogador numa determinada sessão, de modo a manter sempre o jogador cativado e em \emph{flow}. Nesta dissertação, este modelo é implementado para um jogo endless-running de plataformas. Uma ferramenta personalizada de edição foi desenvolvida por forma a permitir que um level designer especifique diferentes lógicas de jogo e regras que guiem a progressão do jogo à medida que a mestria do jogador evolui. Os diferentes desafios do jogo são organizadas num grafo com transições condicionais que especificam o nível de mestria necessário para desbloquear outros desafios mais abaixo no grafo. À medida que a habilidade do jogador evolui o jogo adapta-se e fornece desafios com um nível de habilidade apropriado, com o objetivo final de aumentar a repetibilidade, diversão e cativação graças à constante adaptação do jogo à habilidade do jogador ao ultrapassar os vários desafios.
progressão, habilidade do jogador, adaptação de níveis, geração procedimental de conteúdo, jogos

Junho 3, 2016, 10:30

Publicação

Obra sujeita a Direitos de Autor

Orientação

ORIENTADOR

Carlos António Roque Martinho

Departamento de Engenharia Informática (DEI)

Professor Auxiliar