Dissertação

Impacto das Variações de Rigidez Vertical da Via na Degradação das Linhas Férreas de Alta Velocidade EVALUATED

A introdução da alta velocidade foi o culminar de anos de investigação para conseguir uma inovação tecnológica a custos controlados. A infra-estrutura tem um papel essencial na contenção de custos, sendo que da sua qualidade geométrica e homogeneidade provém parte da solução que permitiu introduzir a alta velocidade. Sabendo que um comboio provoca cargas dinâmicas na via degradando-a, proporcionalmente à velocidade de circulação, aos defeitos e rigidez da via, é no controlo destes parâmetros que está a contenção dos custos de manutenção. Atendendo a que a velocidade é fixa, e que os defeitos de via são reduzidos ao mínimo, é na rigidez que actualmente reside um custo maior na manutenção de linhas férreas. A obrigatoriedade de introduzir obras de arte nos traçados provoca variações de rigidez nas transições aterro obra-de-arte, provocando grandes sobrecargas dinâmicas, originando degradação prematura dessas zonas e consequente aumento de custos. As transições foram modeladas tridimensionalmente em elementos finitos de modo a estimar as tensões e deformações, e com vista à determinação da curva de variação de rigidez. Posteriormente foi efectuado um modelo dinâmico simulando o comboio para retirar as sobrecargas dinâmicas quando este passava sobre as zonas de transição. Foi assim possível estudar o fenómeno de incremento de cargas dinâmicas nas zonas de transição, e a avaliação do desempenho de soluções existentes para as minorar. Numa fase posterior, através da utilização de placas de assento de diferente rigidez, foi possível optimizar as soluções existentes, reduzindo a variação de rigidez, e por conseguinte, a sobrecarga dinâmica gerada.
via-férrea, alta velocidade, análise por elementos finitos, rigidez, cunha de transição, análise dinâmica.

Novembro 14, 2008, 18:0

Documentos da dissertação ainda não disponíveis publicamente

Orientação

ORIENTADOR

Paulo Manuel da Fonseca Teixeira

Departamento de Engenharia Civil e Arquitectura (DECivil)

Professor Auxiliar Convidado