A modelação geoestatística aplicada aos estudos epidemiológicos: uma contribuição para o estudo da relação entre a qualidade do ar e desfechos do parto


O potencial dos métodos geoestatísticos para aplicações em epidemiologia espacial e o potencial dos líquenes como indicadores ecológicos em estudos de saúde, motivou a investigação e o desenvolvimento de novos métodos e aplicações apresentados nesta tese. Para responder a uma questão epidemiológica relacionada com a associação entre a qualidade do ar e o peso ao nascer, esta tese explora o desenvolvimento de novas abordagens para 1) explorar o potencial dos líquenes como indicadores da qualidade do ar em estudos de saúde ambiental, 2) explorar o uso de simulação geoestatística para avaliar a incerteza espacial da exposição e 3) desenvolver as capacidades de análise exploratória da geoestatística multivariada de processos espaciais subjacentes nas associações ecológicas nas áreas do ambiente e da epidemiologia.

A primeira parte da tese fornece novas orientações para a investigação em saúde, nos casos em que a simulação geoestatística é combinada com os líquenes para medir qualidade do ar e as associações com o peso ao nascer. Os resultados obtidos indicam que, combinados com a alta-resolução espacial fornecida pelos líquenes, os métodos geoestatísticos permitem produzir mapas de qualidade do ar com elevada resolução espacial, para posterior análise estatística, e que se apresentam como alternativas económicas ??e adequadas para medir associações com o peso à nascença.

A segunda parte da tese apresenta novas aplicações dos métodos geoestatísticos multivariados para modelar processos espaciais subjacentes às associações ecológicas nas áreas do ambiente e da epidemiologia. Os resultados mostram que a geoestatística multivariada pode desempenhar um papel relevante para modelar a intensidade e a direção de processos espacialmente não-estacionários subjacentes às associações ecológicas, especialmente em grandes regiões, onde as  variações nas suas intensidade e direção são mais prováveis de ocorrer.

Attachments