Métodos de Avaliação

A avaliação da disciplina tem as seguintes regras:

  • Realização de 2 trabalhos práticos: TP1 correspondente à concepção geométrica dum troço de estrada; TP2 correspondente à formulação de misturas betuminosas. Estes trabalhos práticos terão a valorização 6,0 valores, sendo 5,0 (TP1 com 4,0 e TP2 com 1,0) atribuídos à qualidade dos TPs, e os restantes 1,0 valores a serem atribuídos pelo docente em função do desempenho dos alunos durante as aulas práticas, englobando aspetos como assiduidade e participação. Será necessário atingir um mínimo de 2,4 valores (40% do total) para ter a aprovação final (desde que obtendo a classificação necessária nas outras partes).
  • O TP1 terá 3 momentos de entrega definidos na Figura 2 os quais correspondem às seguintes tarefas:

Ø  Numa planta fornecida têm de projetar a diretriz até às curvas de transição, inclusive, e entregam o desenho da planta completa (fotocópia) e o quadro de cálculo da diretriz.

Ø  Com base na diretriz desenvolvida na fase anterior, é levantado o perfil longitudinal do terreno natural e estabelecida e calculada a rasante correspondente a essa diretriz, respeitando as condições técnicas adequadas, de acordo com a Norma de Traçado (revisão). Nesta parte será entregue o desenho do Perfil Longitudinal (fotocópia) (sem indicação da sobreelevação e da largura da plataforma) e o quadro de cálculo da rasante.

Ø  Será dada a indicação da localização dos perfis transversais a projetar à escala 1:200, afastados de 50 m em 50 m, e calculado o movimento de terras da estrada correspondente recorrendo aos métodos adequados para o efeito. Nesta parte será apresentado o Relatório completo (peças escritas e desenhadas) do TP1. Devem ser apresentadas as peças escritas (memória descritiva e justificativa e cálculos justificativos) e desenhadas necessárias à completa definição e justificação das soluções propostas.

  • Dois testes facultativos, a realizar aleatoriamente (sem aviso) nas aulas teóricas com duração de 10 minutos, constituídos por duas questões de escolha múltipla com justificação escrita da escolha, sendo a extensão desta justificação condicionada a 5 linhas escritas. Cada teste vale 1,0 valores e a nota obtida será somada à nota de exame da teórica, contando para a obtenção do mínimo.
  • Exame final escrito que terá uma componente teórica a valer 10,0 valores e uma componente prática a valer 4,0 valores, com um mínimo de 40% no total (4,0 valores na parte teórica e 1,6 valores na parte prática) para ter a aprovação final, desde que obtendo a classificação necessária nas outras partes.
  • A classificação final será obtida pela soma das partes, tendo aprovação quem tiver no 9,5 valores e tiver respeitado o mínimo em cada parte. Os alunos com classificação de 17 valores ou superior na soma das três componentes terão de se submeter a uma oral para poderem ter mais de 16 valores.
  • Disposições gerais:

Ø  Nos exames ou testes não será permitida qualquer consulta de elementos, com exceção dos fornecidos em cada prova. A parte teórica e teórico-prática é separada da parte prática.

Ø  Os trabalhos práticos (TPs), a realizar por um grupo de 2 estudantes no máximo (a alternativa é a execução individual), serão formatados para poderem ser realizados durante as aulas práticas com o apoio dos docentes. Para cada um haverá um enunciado que definirá explicitamente os contornos da execução do trabalho e só estes contarão. Note-se que não se exigirá nenhuma formalidade profissional para a preparação dos processos a entregar (por exemplo, desde que correctamente legendadas, as peças desenhadas podem ser preparadas à mão e entregues a lápis), nem se exigirá o recurso a qualquer software de suporte, uma vez que se quer preparar os estudantes para poderem dominar a concepção e isto faz-se conhecendo as abordagens por dentro. Evidentemente que não se impedirá o recurso a tal software, nomeadamente no apoio ao desenho de peças desenhadas, mas isto não dará lugar a nenhuma valorização por comparação com quem entregar desenhado à mão.

Ø  Os TPs realizados nos anos anteriores serão valorizados em função da nota que obtiveram transformada para o valor do que lhe corresponder.