Métodos de Avaliação

RESISTÊNCIA DE MATERIAIS I - 2018/2019 - 1º Semestre


AVALIAÇÃO DE CONHECIMENTOS

 

1. a) Durante o semestre serão realizados dois testes. O 1º teste realizar-se-á no dia 12 de novembro (18:30) e o 2º teste no dia 4 de janeiro (8:00 h já durante o período de exames).

b) A classificação final será a média das classificações obtidas nos dois testes. A aprovação pressupõe (i) pelo menos 7,0 (sete vírgula zero) valores em cada um dos testes e (ii) uma média não inferior a 9,5 (nove vírgula cinco) valores.

c) Cada teste está dividido em duas partes, uma de índole teórica (25% da classificação) e a outra de carácter prático (75% da classificação). As questões de índole teórica, as quais podem incluir matéria lecionada durante as sessões laboratoriais, devem ser resolvidas durante o período inicial do teste (de duração igual a 30 minutos), não podendo os alunos utilizar máquinas de calcular - as respostas a esta parte serão entregues antes de se iniciar a resolução da parte prática.

2. Para os alunos que não tenham optado pela avaliação descrita em 1., realizar-se-á um primeiro exame final no dia 4 de janeiro (8:00), em simultâneo com o 2º teste. Um aluno pode realizar o 2º teste (se tiver tido pelo menos 7,0 valores no 1º teste) ou o primeiro exame, mas tem que decidir antes do início das duas provas.

3. Para os alunos que não tenham obtido aprovação em qualquer uma das duas vias anteriores ou que pretendam melhorar a sua classificação, realizar-se-á um segundo exame final no dia 1 de fevereiro (18:30).

4. Cada exame final está dividido em duas partes, uma de índole teórica (20% da classificação) e a outra de carácter prático (80% da classificação). As questões de índole teórica, as quais podem incluir matéria lecionada durante as sessões laboratoriais, devem ser resolvidas durante o período inicial do exame (de duração igual a 35 minutos), não podendo os alunos recorrer a máquinas de calcular - as respostas a esta parte serão entregues antes de se iniciar a resolução da parte prática.

5. Se a classificação obtida em 1., 2. ou 3. for igual ou superior a 16,5 (dezasseis vírgula cinco) valores, o aluno será convidado a apresentar-se a uma prova oral. A classificação final será a obtida nesta prova e não poderá nunca ser inferior a 16 (dezasseis) valores. A não comparência na prova oral implica, automaticamente, uma classificação final de 16 (dezasseis) valores.