Métodos de Avaliação

  Regras de Avaliação em Química

 1. Os alunos podem escolher uma de duas vias de avaliação:

          1.1 Via Testes, consistindo em 3 testes (+ 1 prova de recurso)

          1.2 Via Exames, consistindo em 1 exame (+ 1 exame de recurso)

2. Via Testes

     2.1 O aluno será aprovado por testes se a soma da classificação dos três testes for igual ou superior a 9,5 valores e se nos dois últimos testes o aluno tiver obtido uma classificação mínima de 35% da classificação máxima do teste (7/20).

     2.2 Os testes têm pesos diferenciados, dependentes do calendário escolar, sendo por isso definidos anualmente.

     se que o aluno optou pela Via Testes se entregar os três testes.

3. Via Exames - Consiste na realização de 1 exame.

4. Consulta de provas - Após a publicação das classificações de cada prova será marcada uma data para a consulta, pelos alunos, da sua prova.

5. Composição da avaliação - A matéria avaliada tem duas componentes quer na Via Testes quer na Via Exames: Componente teórico-prática, com o peso de 80% e laboratorial, com o peso de 20%.

     5.1. A avaliação da componente laboratorial é feita através de questões colocadas, nos testes ou nos exames, sobre 4 trabalhos laboratoriais, valendo 4/20 valores, ou seja, 1/20 valores para cada trabalho. A contabilização das respostas dadas a cada uma das 4 questões só é efectiva se o aluno tiver realizado o respetivo trabalho. Por realização do trabalho entende-se a presença na aula laboratorial respectiva (ou na aula de repetição) e o preenchimento e entrega da ficha do trabalho.

     5.2 Os alunos que tenham realizado os trabalhos de laboratório nos dois últimos anos letivos podem optar por não os repetir.

     5.3 Os alunos que tenham estatuto de aluno-trabalhador podem optar por ser avaliados apenas na componente teórico-prática, valendo esta 20 valores neste caso.

6. Recursos ou Melhoria de nota

     6.1 A prova de recurso da Via Testes pode ser 1 exame, a realizar em qualquer uma das duas datas de exame, ou a repetição de 1 dos testes, apenas na primeira das datas de exame. Se o aluno não entregar a prova (teste ou exame) poderá ainda recorrer ao exame completo da segunda data. O recurso na Via Exames é realizado na segunda data de exames.

     6.2 A melhoria da nota obtida, quer na Via Testes quer na Via Exames, pode ser realizada apenas na segunda data de exames, contando a melhor das duas notas como final.

     6.3 Prova oral - Se, após as provas de recurso, a nota final do aluno se situar entre 8.5 e 9.4 valores, tanto na via testes como exames, o aluno poderá submeter-se a uma prova oral a realizar após o 2º exame. O resultado poderá ser apenas reprovado ou aprovado com 10 valores. A data da prova oral será definida no dia da afixação das notas do 2º exame.