Aula 4

Aula 4 - Modelos Conceptuais

1.1. Objectivos

Os objectivos desta aula são realizar um exercício prático de preparação para o projecto que envolve um modelo conceptual, um cenário de actividade e a definição de métricas de usabilidade.

1.2. Preparação da Aula

Ao longo da semana devem realizar os inquéritos aos potenciais utilizadores do vosso projecto recorrendo aos questionários que elaboraram.

Na preparação desta aula, devem ler cuidadamente o artigo "Conceptual Models: Begin by Designing What to Design" de Jeff Johnson (material de apoio). Devem também rever o modelo conceptual apresentado na aula teórica.

Em seguida, devem realizar o seguinte exercício prático: elaborar um modelo conceptual, um cenário de actividade e definir métricas de usabilidade para uma máquina de venda de bilhetes de comboio onde se possa pagar com dinheiro, MB e PMB (de acordo com a análise de tarefas e com o cenário do problema descritos nos acetatos da aula teórica).

1.3. Tarefas a Realizar na Aula

No início da aula, cada grupo deve entregar ao docente do laboratório um documento em papel com a solução do exercício proposto, tendo o cuidado de trazer uma segunda cópia desse documento para o grupo utilizar na aula.

Em seguida, os grupos são reunidos dois a dois e dispõem de 30 minutos para comparar as soluções do exercício e para compilarem uma versão conjunta do modelo conceptual. Posteriormente, as versões conjuntas serão apresentadas e debatidas com a turma.

1.4. Próxima Aula

Na próxima aula cada grupo irá apresentar a análise de tarefas e o modelo conceptual relativos ao projecto.

Até lá, devem analisar os dados recolhidos no inquérito, responder às 11 perguntas da análise de tarefas e criar o modelo conceptual. Devem ainda descrever 3 tarefas basedas nas actividades incluídas no modelo conceptual, definir métricas de usabilidade para cada uma delas e criar um cenário de actividades. Todos estes elementos devem ser colocados no local do projecto nas respectivas secções.

Notem que as 3 tarefas não devem ser triviais, ou seja, devem estar bem enquadradas no sistema que estão a conceber (por exemplo: a operação de login, se existir, não é uma tarefa por si só, quando muito pode fazer parte de uma tarefa mais abrangente). Lembrem-se que as tarefas devem ser fáceis para o utilizador e não para quem as codifica. Normalmente as tarefas fáceis correspondem às tarefas mais frequentes que, por vezes, são as mais difíceis de fazer para quem está a conceber a interface.

Devem ainda preparar uma apresentação powerpoint para um máximo de 5 minutos que responda às seguintes perguntas: quem realiza as tarefas, como e em que condições as realiza, e o que faz falta. A apresentação também deve incluir as metáforas do sistema devidamente justificadas e as 3 tarefas bem definidas com as respectivas métricas de usabilidade.