Métodos de Avaliação

Durante o semestre e período de exames:

A avaliação de conhecimentos da cadeira não tem exame final, sendo apenas realizada avaliação do tipo contínuo com os seguintes componentes:

  1. Dois testes, realizados em comum por todos os alunos. Durante época de exames, existirá uma data para a repescagem de um dos testes. No entanto, se um aluno se apresentar à repescagem, a nota obtida no respectivo teste será a melhor entre a nota da repescagem e a nota do teste.
  2. Projecto de programação em grupos de dois ou três alunos, com duas entregas, contribuindo para a nota do projecto em 30% e 70%, respectivamente.
  3. Avaliação contínua (AC), realizada no final das aulas práticas. Durante o semestre, terão lugar 4 momentos de avaliação, em datas determinadas, dos quais os alunos deverão comparecer a um mínimo de 3. Nesta avaliação, será atribuído a cada aluno um valor entre 0 e 4.

Para obter aprovação na cadeira, as seguintes condições têm que ser cumulativamente verificadas:

  • A média aritmética dos dois testes realizados em comum (T) é superior ou igual a 9.5 valores;
  • A nota do projecto (P) é superior ou igual a 9.5 valores.

Nestas condições, a nota da cadeira (a qual deverá ser superior ou igual a 9.5 valores) é calculada como a média ponderada da classificação obtida nas provas realizadas, com os seguintes pesos:

  • Projecto: 30% ou 35%
  • Média aritmética dos dois testes: 60% ou 65%
  • Avaliação contínua: 0% ou 10%

A nota final na cadeira (NF) será pois dada pela seguinte fórmula:

NF = max{0.60 * T + 0.30 * P + 0.10 * AC; 0.65 * T + 0.35 * P}

Todas as componentes da avaliação têm que ser realizadas no mesmo semestre lectivo.

Todas as notas serão colocadas na página da cadeira, podendo ser contestadas nas duas semanas seguintes à sua colocação. Após esse período de duas semanas as notas são consideradas definitivas e não se aceitam reclamações seja qual for o pretexto.

Todo o aluno que for apanhado a copiar ou a deixar copiar numa dada prova será imediatamente reprovado na disciplina, podendo, para além da reprovação, ser levantado um processo disciplinar. O corpo docente da cadeira será o único juiz do que se considera ou não copiar numa dada prova.

Testes:

As datas de realização dos testes são:

  • Primeiro teste: 26 de Outubro de 2013
  • Segundo teste: 10 de Janeiro de 2014

A inscrição para a realização dos testes é obrigatória e deverá ser efectuada através da página da cadeira, com uma antecedência mínima de dois dias úteis. Não se garante aos alunos não inscritos a possibilidade de realizarem a sua avaliação, ficando isso dependente da disponibilidade de recursos na altura da prova.

Durante época de exames, existirá uma data para a repescagem de um dos testes. Se um aluno se apresentar à repescagem, a nota obtida no respectivo teste será a melhor entre a nota da repescagem e a nota original do teste respectivo.

A data da realização da repescagem é: 25 de Janeiro de 2014.

Projecto:

O projecto está dividido em duas fases. Na primeira fase, o enunciado é entregue aos alunos a 4 de Outubro de 2013, e a entrega do projecto será a 22 de Outubro de 2013. Na segunda fase, o enunciado é entregue aos alunos a 22 de Outubro de 2013, e a entrega do projecto será a 10 de Dezembro de 2013. Não serão aceites, sob pretexto algum, projectos entregues fora dos prazos indicados.

O projecto deve ser realizado em grupos de dois ou três alunos. Não serão, sob pretexto algum, permitidos grupos com mais alunos.

Conforme indicado acima, a avaliação tem ser efectuada em todas as suas componentes (teórica e prática). Em particular, notas obtidas em semestres anteriores não serão consideradas.

Melhorias de nota:

Os alunos que desejem realizar melhoria de nota, tendo obtido aprovação à cadeira no semestre lectivo anterior (de acordo com as regras do IST), devem proceder à sua inscrição na secretaria de graduação do IST na altura devida. A melhoria tem ser efectuada em todas as componentes da avaliação da cadeira (teórica e prática).

Orais:

As provas orais estão sujeitas ao regulamento geral do IST: podem ser solicitadas pelo Professor Responsável da Disciplina ou pelo aluno. Qualquer aluno poderá ser sujeito a uma oral (ao critério do corpo docente da cadeira - por exemplo quando a nota do projecto for muito mais alta do a da média dos testes, - cujo resultado será a nota final. São aceites pedidos de prova oral por parte de um aluno quando a sua nota final for superior ou igual a 16 valores. Quando um aluno é submetido a prova oral, a nota obtida nessa oral será a nota final da cadeira.

Durante a época especial:

Em época especial (para os alunos que tenham direito a esta) será apenas realizado um exame sendo a nota obtida no exame pelo aluno a sua nota final na cadeira. Os alunos interessados em efectuar o exame de época especial devem entrar em contacto com o corpo docente antes do início do período de época especial.