Disciplina

Área

Área Científica de Tecnologia Mecânica e Gestão Industrial > Tecnologia Mecânica

Activa nos planos curriculares

MEAer 2017 > MEAer 2017 > 2º Ciclo > Especializações > Aeronaves > Opções > Opções 8º Semestre > Maquinagem

MEM 2017 > MEM 2017 > 2º Ciclo > Opções > Maquinagem

MEMec 2006 > MEMec 2006 > 2º Ciclo > Áreas de Especialização > Produção > Maquinagem

Nível

O programa da disciplina é ministrado através de aulas teóricas (3h por semana) e por aulas de problemas (1.5h por semana) onde são resolvidos problemas reproduzindo aplicações típicas. A avaliação é efectuada através de um exame final escrito (70%) e por um projecto (30%) com apresentação oral, dedicado fundamentalmente aos processos de maquinagem não convencionais. Complementarmente, pode ser realizada uma prova oral (facultativa) para defesa de notas superiores a 17 valores.

Tipo

Não Estruturante

Regime

Semestral

Carga Horária

1º Semestre

3.0 h/semana

1.5 h/semana

105.0 h/semestre

Objectivos

Através desta disciplina pretende-se dotar o aluno com os conhecimentos necessários à análise da generalidade dos processos industriais de corte por arranque de apara. Na primeira parte apresentam-se as bases teóricas e experimentais para os processos de maquinagem convencionais, como sejam o torneamento, a fresagem e a maquinagem com abrasivos. A segunda parte destina-se ao estudo dos processos de maquinagem não convecionais mais importantes, destacando-se a maqinagem de alta velocidade, a maquinagem de materiais não metálicos, a maquinagem elec-troquímica e a electro-erosão.

Programa

1.Introdução aos processos de maquinagem. 2.Torneamento. Princípios do torneamento. Ferramentas. Principais parâmetros de corte. Desgastes, avarias e vida das ferramentas. Fluidos de corte. Acabamento superficial. Economia do corte. 3.Fresagem. Princípios da fresagem. Ferramentas. Principais parâmetros de corte. Desgastes, avarias e vida das ferramentas. Fluidos de corte. Acabamento superficial. Economia do corte. 4.Outros processos de maquinagem: furação e brochagem. 5.Maquinagem com abrasivos. Tipos de maquinagem com abrasivos. Rectificação; princípios da rectificação, ferramentas, principais parâmetros de corte, desgastes, avarias e vida das ferramentas. Fluidos de corte. Acabamento superficial. Economia do corte. 6.Maquinagem de alta velocidade. 7.Maquinagem de materiais não metálicos. 8.Introdução aos processos de maquinagem não convencional. 8.1.Maquinagem electroquímica. 8.2.Electro-erosão. Aplicações.

Metodologia de avaliação

O programa da disciplina é ministrado através de aulas teóricas (3h por semana) e por aulas de problemas (1.5h por semana) onde são resolvidos problemas reproduzindo aplicações típicas. A avaliação é efectuada através de um exame final escrito (70%) e por um projecto (30%) com apresentação oral, dedicado fundamentalmente aos processos de maquinagem não convencionais. Complementarmente, pode ser realizada uma prova oral (facultativa) para defesa de notas superiores a 17 valores.

Bibliografia

Principal

Tecnologia dos Processos de Corte

André J., Barata Marques, M.J.M., Mesquita R.M.D. e Rodrigues J.M.C

1994

AEIST