Disciplina

Área

Área Científica de Engenharia e Arquitectura Naval > Engenharia e Arquitectura Naval

Activa nos planos curriculares

LENO 2021 > LENO 2021 > 1º Ciclo > Área Principal > Hidrostática do Navio

DEAEN2006 > DEAEN2006 > 3º Ciclo > Geral > Hidrostática do Navio

LEAN 2006 > LEAN 2006 > 1º Ciclo > Hidrostática do Navio

Nível

A nota final da cadeira é calculada pela seguinte fórmula: NF = 0.7xAE + 0.3xTL em que, NF é a nota final (igual ou superior a 10 valores para aprovação na cadeira) AE é a nota da avaliação escrita (igual ou superior a 10 valores para aprovação na cadeira) TL é a nota dos trabalhos de laboratório (igual ou superior a 10 valores para aprovação na cadeira) Todas as notas são dadas numa escala de 0 a 20 valores. A nota da avaliação escrita (AE) pode ser obtida pela nota do exame final, ou pela média ponderada da notas dos dois testes realizados ao longo do semestre, onde o peso do primeiro teste é 60% e do segundo 40%. A nota mínima de cada teste é de 8 valores, e a média ponderada das notas dos testes terá que ser igual ou superior a 10 valores. A nota mínima do exame final é de 10 valores.

Tipo

Não Estruturante

Regime

Semestral

Carga Horária

1º Semestre

2.0 h/semana

1.0 h/semana

0.5 h/semana

119.0 h/semestre

Objectivos

Calcular a flutuabilidade e a estabilidade de pequenos e grandes ângulos de inclinação de corpos flutuantes. Aplicar critérios de estabilidade do navio intacto. Analisar situações de encalhe, docagem e lançamento à água. Calcular os efeitos do alagamento dos espaços interiores dos navios e avaliar a estabilidade em avaria com critérios apropriados. Familiaridade com trabalho experimental.

Programa

Introdução ao estudo da estática de plataformas de navios de superficie e submersíveis. Equilibrio dos corpos flutuantes. Geometria dos corpos flutuantes. Estabilidade do equilibrio dos corpos flutuantes e submersos. Estabilidade a pequenos ângulos. Metacentros. Alturas metacêntricas. Momento endireitante e inclinante. Equilíbrio transversal e longitudinal. Gráfico carenas direitas. Mudança de meio de flutuação. Embarque e transporte de pesos. Pesos suspensos e espelhos líquidos. Prova de estabilidade. Estabilidade a grandes ângulos. Braços de estabilidade. Gráfico carenas inclinadas. Energias endireitante e inclinante. Fundamentos dos critérios de estabilidade intacta gerais e específicos. Critério de mau tempo. Encalhe. Métodos de desencalhe. Docagem. Cálculos de docagem. Lançamento à água. Cálculos de lançamento à água. Alagamento e subdivisão de navios e unidades móveis flutuantes. Métodos da massa adicionada e perda de impulsão.

Metodologia de avaliação

A nota final da cadeira é calculada pela seguinte fórmula: NF = 0.7xAE + 0.3xTL em que, NF é a nota final (igual ou superior a 10 valores para aprovação na cadeira) AE é a nota da avaliação escrita (igual ou superior a 10 valores para aprovação na cadeira) TL é a nota dos trabalhos de laboratório (igual ou superior a 10 valores para aprovação na cadeira) Todas as notas são dadas numa escala de 0 a 20 valores. A nota da avaliação escrita (AE) pode ser obtida pela nota do exame final, ou pela média ponderada da notas dos dois testes realizados ao longo do semestre, onde o peso do primeiro teste é 60% e do segundo 40%. A nota mínima de cada teste é de 8 valores, e a média ponderada das notas dos testes terá que ser igual ou superior a 10 valores. A nota mínima do exame final é de 10 valores.

Pré-requisitos

Cálculo a uma variável, Arquitectura Naval

Componente Laboratorial

Execução de ensaios de hidrostática num modelo de navio em laboratório: prova de estabilidade, avaliação experimental do efeito dos espelhos líquidos e do alagamento. Execução de calculos de estática e estabilidade usando um código computacional

Princípios Éticos

Todos os membros de um grupo são responsáveis pelo trabalho de grupo. Em qualquer avaliação todo os aluno deve divulgar honestamente qualquer ajuda recebida e fontes usadas. Numa avaliação oral, todo o aluno deverá ser capaz de apresentar e responder a perguntas sobre toda a avaliação.

Componente de Programação e Computação

Não há componente de programação, mas é utilizado um software para os cálculos.

Componente de Competências Transversais

Trabalho laboratorial em equipa (20%)

Bibliografia

Principal

Principles of Naval Architecture

Hamlin, N.

1990

Vol. 1, Cap. I, Society of Naval Architects and Marine Engineers


Elementos de Arquitectura Naval

Rogério S. D'Oliveira

1964

Vol. I, Escola Naval


Basic Ship Theory

Rawson, K.J., Tupper, E.C.

1994

Vol. 1, Longman Group Limited


Ship Hydrostatics and Stability: 2013, Butterworth-Heinemann

Biran, A., Pulido, R.L.

2013

Butterworth-Heinemann