Dissertação

{pt_PT=A serious game for cognitive disabilities} {} EVALUATED

{pt=Hoje em dia, os jogos começam a ser aceites não apenas como meio de entretenimento, mas também como ferramentas de aprendizagem, sendo utilizados no contexto escolar e de formação profissional. Em relação às pessoas com deficiências cognitivas, os jogos desenvolvidos para esta população estão maioritariamente focados em competências do dia-a-dia, deixando de parte as competências relacionadas com o trabalho. Treinar adultos com deficiências cognitivas é visto como um grande desafio para as empresas, que enfrentam uma quebra na produtividade ao empregar estes adultos, especialmente enquanto estiverem em formação. No presente trabalho foi desenvolvido um jogo sério para adultos com deficiências cognitivas, como uma ferramenta para ensinar competências de trabalho, mitigando a quebra de produtividade referida. No jogo são abordadas tarefas requeridas a um empregado que trabalhe num supermercado, dado que esta é a situação mais comum entre os adultos com deficiências cognitivas. O jogo desenvolvido foi desenhado de acordo com literatura recente na área de jogos sérios e validada por psicologistas, gestores de supermercados e um empregado de supermercado. Finalmente, realizámos algumas sessões de testes com jogadores e utilizámos um modelo de jogabilidade para avaliar o jogo. Dessas sessões concluímos que a maioria das pessoas conseguiu jogar o jogo, embora a experiência de jogador não tenha sido máxima. Concluímos também que, para obter melhores resultados em relação aos jogos sérios para deficiências cognitivas ainda há um longo caminho a percorrer, sendo necessário definir conceitos e modelos de avaliação padrão para garantir a experiência de jogador e resultados de aprendizagem adequados., en=Nowadays serious games are starting to be accepted not only as entertainment tools, but also as learning tools, used in a school context and in professional training. Regarding people with cognitive disabilities, the few games dedicated to this population are mostly focused on daily life skills, missing the work-related skills. Training adults with cognitive disabilities is still seen as a big challenge for companies, who face a productivity loss when employing such adults, especially while they are being trained. In the present work was developed a serious game for adults with cognitive disabilities, as a tool to teach work-related skills, mitigating the productivity loss. In the game are approached tasks required to an employee working in a supermarket, as this is the most common situation for adults with cognitive disabilities. The developed game was designed according to recent literature in the area of serious games and validated by psychologists, supermarket managers and a supermarket employee. Finally, we run some player testing sessions and used a model of Playability to evaluate the game. From those sessions we can conclude that most people were able to play the developed game although the Player Experience wasn't maximal. Also, we concluded that for better results regarding serious games for cognitive disabilities there's still a long way to go, being necessary to define standard concepts and evaluation models to guarantee the adequate Player Experience and suitable learning outcomes.}
{pt=Deficiências cognitivas, jogos sérios, capacidades para o emprego, adultos com deficiência, supermercado, en=Cognitive disabilities, serious games, work-life skills, disabled adults, supermarket}

Junho 3, 2015, 10:30

Publicação

Obra sujeita a Direitos de Autor

Orientação

ORIENTADOR

João António Madeiras Pereira

Departamento de Engenharia Informática (DEI)

Professor Associado