Dissertação

{en_GB=ImmersiveMind: Terapia de reminiscência através da utilização de vídeos 360º} {} EVALUATED

{pt=Nos últimos anos, o número de pessoas com demência tem vindo a aumentar onde um dos sintomas é a incapacidade de comunicação, levando ao esquecimento de eventos significativos. Apesar do uso frequente de medicamentos, existem alternativas não-farmacológicas, como a terapia de reminiscência, que procura utilizar objectos pessoais para relembrar memórias passadas. No âmbito das tecnologias inseridas na terapia de reminiscência, são escassas as investigações que exploram o potencial dos ambientes imersivos, onde as pessoas com demência têm a sensação de estarem presentes num mundo virtual, sem comprometer a privacidade do mesmo. Como tal, foi criado o ImmersiveMind, com o intuito de oferecer uma ferramenta de baixo custo, o Google Cardboard, que tira proveito das vantagens de ambientes imersivos através de uma biblioteca pública, que fornece vídeos a 360º, o YouTube, controlado pelo cuidador, evitando o manuseamento desta tecnologia por parte do doente. Depois de compreendido o papel do cuidador e do doente, foram estudados o tipo de óculos que é mais adequado para as pessoas com demência, onde se concluiu que o conforto e facilidade de uso são determinantes. Por fim, foi implementada uma plataforma para o cuidador e foram executadas avaliações onde, para a mesma, se concluiu que a possibilidade de gerir doentes e sessões é um factor importante, pois oferece um acompanhamento adequado ao idoso. Em relação ao impacto na terapia de reminiscência, verificou-se que as pessoas com demência conseguiram identificar os objectos presentes nos vídeos, o que despoletou lembranças de momentos passados, juntamente com os cuidadores responsáveis., en=In recent years, the number of people with dementia has been increasing where one of the symptoms is the inability to communicate, leading to forgetfulness of significant events. Despite the frequent use of medications, there are non-pharmacological alternatives, such as reminiscence therapy, which seeks to use personal objects to recall past memories. In the context of technologies in reminiscence therapy, there is a lack of research that explores the potential of immersive environments, where people with dementia have the feeling of being present in a virtual world without compromising their privacy. As such, ImmersiveMind was created to offer a low-cost tool, Google Cardboard, which takes advantage of immersive environments through a public library that provides 360-degree video, YouTube, controlled by the caregiver, avoiding the handling of this technology by the patient. After understanding the role of the caregiver and the people with dementia, it was investigated which type of glasses are most suitable for people with dementia, where it was concluded that comfort and ease of use are determinants. Finally, a platform was implemented for the caregiver, and evaluations were carried out where it was concluded that the possibility of managing patients and sessions are an important factor since it provides a proper monitoring of the elderly. Regarding the impact on reminiscence therapy, it was found that people with dementia were able to identify the objects showed in the 360 videos, which triggered memories of past moments, along with the responsible caregivers.}
{pt=Demência, Cuidadores, Terapia de reminiscência, Imersão, Vídeos 360º, en=Dementia, Caregivers, Reminiscence therapy, immersion, 360-degree videos}

Outubro 30, 2018, 9:0

Orientação

ORIENTADOR

Hugo Miguel Aleixo Albuquerque Nicolau

Departamento de Engenharia Informática (DEI)

Professor Auxiliar

ORIENTADOR

Daniel Simões Lopes

Departamento de Engenharia Informática (DEI)

Professor Auxiliar