Dissertação

{pt_PT=Arquitectura de Referência do Modelo de Governance de Projectos, Programas e Portfolios na Abordagem Clássica à Gestão de Projectos} {} EVALUATED

{pt=Um modelo de governance consiste na forma como as decisões são tomadas e como as ações são realizadas, sempre na perspetiva de manter os valores organizacionais. Os papéis necessários, as suas responsabilidades e critérios de desempenho devem ser parte integrante do modelo de governance de projetos, programas e portfolios. No entanto, dada a permeabilidade dos projetos, programas e portfolios a diversos fatores (ex. fatores regulamentares e maturidade da gestão de projetos da organização), diversos papéis podem ser considerados no que diz respeito a modelos de governance de projetos, programas e portfolios, promovendo assim a existência de diferentes modelos de governance. Esta investigação introduz à base de conhecimento de gestão de projetos, programas e portfolios, uma arquitetura de referência que permite a comparação de modelos de governance e assim verificar desvios e detetar que modelo se adequa mais ao contexto de uma organização. A arquitetura de referência foi criada através das 7 fases seguintes: Definir camadas da arquitetura; Definir papéis da arquitetura; Ver preocupações/responsabilidades dos papéis; Associar Papéis às Camadas; Associar Competências aos Papéis; Associar Competências às Camadas; Mapear em ArchiMate por camada os papéis e respetivas competências. A Arquitetura Empresarial torna se importante pois permite representar de forma estável a associação das competências aos respetivos papéis, permitindo facilmente verificar diferenças entre modelos quando estas existem. A utilidade da arquitetura de referência foi demonstrada numa sociedade anónima detida pelo estado. A avaliação foi realizada através de um caso real, onde se verificou que é possível atingir todos os objetivos propostos., en=A governance model consists in how decisions are made and actions are carried out, al-ways with a view to maintaining organizational values. The required roles, responsibilities, and performance criteria should be an integral part of the governance model for projects, programs, and portfolios. However, given the permeability of projects, programs, and portfolios to several factors (e.g. regulatory factors and the project's project management maturity), several roles can be considered about gov-ernance models, thus promoting the existence of different project, program and portfolio governance models. This research introduces into the knowledge base of project, program and portfolio management, a reference architecture that allows the comparison of governance models to verify deviations and de-tect which model best suits the context of an organization. The reference architecture was created through the following 7 phases: Define architecture layers; Define architecture roles; View role concerns / responsibilities; Associate Roles to Layers; Associate Competences to Roles; Associate Competences to Layers; and Map in ArchiMate by layer the roles and their competencies. Enterprise Architecture becomes important because it allows the stable association of competences to their roles, allowing easily verify differences between models when they exist. The usefulness of reference architecture has been demonstrated in a state owned corporation. The evaluation was performed through a real case, where it was found that it’s possible to achieve all the proposed objectives.}
{pt=Governance, Arquitetura de Referência, Arquitetura Empresarial, Competências, Camadas, Papéis, en=Governance, Reference Architecture, Enterprise Architecture, Competences, Layers, Roles}

Novembro 22, 2019, 13:0

Publicação

Obra sujeita a Direitos de Autor

Orientação

ORIENTADOR

André Ferreira Ferrão Couto e Vasconcelos

Departamento de Engenharia Informática (DEI)

Professor Auxiliar