Dissertação

{en_GB=XIS-Reverse: A Model-Driven Reverse Engineering Approach for Legacy Information Systems} {} EVALUATED

{pt=Com a explosão a nível tecnológico, as empresas têm dificuldade em gerir e manter os seus sistemas de informação legados, consequentemente, melhorar estes sistemas tornou-se um problema complexo. Além disso, é difícil gerir alterações de requisitos, levando à deterioração dos requisitos dos sistemas. De forma a superar ou reduzir tais problemas, podem ser usadas abordagens de engenharia reversa aplicadas a software. Esta dissertação propõe uma abordagem de engenharia reversa orientada a modelos, que pretende sustentar o desafio mencionado. Esta abordagem, chamada XIS-Reverse, é constituída por 3 fases: (i) extração do esquema de dados; (ii) configuração do processo de engenharia reversa; e (iii) execução do processo de engenharia reversa. O XIS-Reverse utiliza artefactos da base de dados do sistema de informação (fases (i) e (ii)) e preferências especificadas pelo utilizador (fase (ii)) para guiar o processo de engenharia reversa. A partir desses artefactos extraem-se especificações de alto nível do sistema de informação, utilizando transformações modelo-para-modelo (fase (iii)) baseadas num conjunto de regras bem definidas. Além disso, as principais contribuições da abordagem proposta, comparando com os trabalhos de investigação nesta área, são a identificação semiautomática de generalizações implícitas e agregações e a extração automática de valores de atributos, enriquecendo os modelos produzidos. De uma forma geral, esta dissertação apresenta a abordagem e a ferramenta XIS-Reverse, fornecendo uma avaliação às contribuições principais (usando dois sistemas de informação reais), é avaliada a sua interoperabilidade com uma framework existente, são ainda discutidos e apresentados os seus principais desafios e benefícios no contexto da engenharia reversa. , en=With the explosion of technologies, companies have been struggling to manage and maintain their legacy information systems, thus upgrading those systems became a complex challenge. Moreover, requirements changes are difficult to be properly managed, leading to legacy information system requirements deterioration. To overcome or reduce such problems, software reverse engineering approaches can be used. This research work proposes a model-driven reverse engineering approach that aims to support the mentioned challenge. This approach, named XIS-Reverse, has 3 main stages, namely (i) data schema extraction, (ii) reverse engineering configuration and (iii) reverse engineering execution. It uses information system database's artefacts (stages (i) and (ii)), but also user preferences (stage (ii)) to better guide the reverse engineering process, and from these artefacts it is possible to extract high-level specifications from a legacy information system, through model-to-model transformations (stage (iii)) based on a set of well defined rules. Moreover, the main contributions of this proposal (compared with the state of the art) are the semi-automatic identification of implicit generalizations and aggregations and the possibility to automatically extract attribute values to enrich the produced model. This dissertation presents XIS-Reverse (approach and tool), provides an evaluation of its main contributions (based on two real-world information systems), presents an assessment of its interoperability with an existent framework and discusses its main challenges and benefits in the context of the reverse engineering.}
{pt=Engenharia Orientada por Modelos, Engenharia Reversa Orientada por Modelos, Reengenharia Orientada por Modelos, Base de Dados, Sistema de Informação Legado, en=Model-Driven Engineering, Model-Driven Reverse Engineering, Model-Driven Reengineering, Database, Legacy Information System}

Junho 6, 2017, 9:0

Publicação

Obra sujeita a Direitos de Autor

Orientação

ORIENTADOR

Alberto Manuel Rodrigues da Silva

Departamento de Engenharia Informática (DEI)

Professor Associado