Dissertação

{en_GB=The role of emotional traits in the evolutionary dynamics of Multiplayer Ultimatum Game} {} EVALUATED

{pt=Desde o início dos tempos, a cooperação entre indivíduos é uma evidência e um pré-requisito para o bem estar de uma população, a fim de esta sobreviver e evoluir. No entanto, cooperar significa muitas vezes gastar recursos para analisar outros. Assim, justifica o surgimento e manutenção da cooperação continua a ser um enorme esforço interdisciplinar. Muitos estudos têm sido realizados com a finalidade de explicar o surgimento da cooperação entre pares de indivíduos, inseridos em populações. Neste contexto, no entanto, o papel evolutivo de estados mocionais do indivíduo permanece indefinida. Vergonha e honra parecem ter grande influência em alavancar a cooperação entre os indivíduos. Para entender melhor essa influência foi desenvolvido um jogo que combina emoções e negociação em grupo (Multiplayer Ultimatum Game with Emotions). Concluiu-se que o sentimento de vergonha é mais eficaz, do que a honra, na promoção da justiça. No entanto, no caso de grupos que rejeitam sistematicamente ofertas, os chamados jogos sem sucesso, o impacto da vergonha ou honra é inexistente. O desempenho do benefício de honra aumenta se for mais exigente ter uma proposta aceite., en=From the beginning of times, cooperation among individuals exists and is indeed necessary for the well-being of a population, in order to survive and prosper. However, justifying the mergence and maintenance of cooperation remains a huge interdisciplinary endeavor as cooperation involves a costly act. Many studies have been made with the purpose of explaining the emergence of cooperation among pairs of individuals, and within populations. In this context, however, the evolutionary role of individual’s emotional states remains elusive. Fairness is an example of cooperative gesture in which individuals often sacrifice gains in name of equality. Shame and honor seems to have big influence in leveraging fairness among individuals. To understand better his influence we enlarged Multiplayer Ultimatum Game by including emotional traits (MUGE). We run a set of computer simulations to analyze the evolutionary dynamics of this game. We concluded that feeling shame is more effective than the honor, in context of extinguishing unfairness in the population. However, in case of groups which systematically reject offers, so called unsuccessful games, the impact of shame or honor is invisible. We show that performance of benefit of honor increases if proposers competition exists.}
{pt=Justiça, Teoria dos Jogos Evolucionária, Jogo do Ultimato Multijogador, Cooperação, Emoções, en=Fairness, Evolutionary Game Theory, Multiplayer Ultimatum Game, Cooperation, Emotions}

Novembro 10, 2015, 10:30

Publicação

Obra sujeita a Direitos de Autor

Orientação

ORIENTADOR

Francisco João Duarte Cordeiro Correia dos Santos

Departamento de Engenharia Informática (DEI)

Professor Associado

ORIENTADOR

Ana Maria Severino de Almeida e Paiva

Departamento de Engenharia Informática (DEI)

Professor Catedratico