Dissertação

{en_GB=The Impact of Macroeconomic Shocks on Global Supply Chains} {} EVALUATED

{pt=A crise financeira de 2008, que teve início nos EUA, foi rapidamente transmitida para o resto do mundo originando uma recessão global. Esta rápida transmissão não foi um caso isolado, tendo havido diversos choques locais que foram transmitidos a outros países. Uma das causas apresentadas para esta rápida transmissão deve-se ao aumento da especialização vertical na produção e a criação de cadeias de abastecimento globais. A dissertação tem como objetivo analisar o efeito de choques macroeconómicos nas cadeias de abastecimento globais, utilizando a base de dados de empresas portuguesas (SCIE). Para tal, é estudado o comportamento das variáveis de desempenho (variações nas vendas, produção, investimento e níveis de inventários), face às variações do PIB português. Estimou-se modelos de regressão linear usando a abordagem de efeitos fixos. Através do mesmo constatou-se que os níveis de vendas, produção, investimento e os níveis de inventário são afetados pelas flutuações do PIB. Numa segunda fase de estudo, analisou-se ainda como as características da empresa e da cadeia de abastecimento afetam o desempenho das empresas. No entanto, não foi possível confirmar o efeito das características das empresas na elasticidade-PIB dos níveis de inventário, sendo necessário investigações adicionais para inferir sobre os determinantes da variabilidade de inventário na cadeia de abastecimento. Adicionalmente, não foi confirmada a existência do Bullwhip Effect uma vez que a maioria das regressões evidencia o Reverse Bullwhip Effect. Não obstante, confirma-se que as empresas impactadas pelo mesmo choque reagem de forma diferente, evidenciando quais os fatores que tornam as empresas mais resilientes., en=The financial crisis of 2008 that was initiated in the USA quickly expanded throughout the world causing a global recession. However, this event was not unique, as the last century saw several local shocks being transmitted to other countries. One cause of this rapid transmission is due to the increased vertical specialisation in production which leads to a continuous flows of goods, investment and technology being traded through the world. These flows are known as global supply chains. This dissertation aims at analysing the effect of macroeconomic shocks on global supply chains, from the year 2007 to 2015. Using firm-level data for the Portuguese economy (SCIE database), we empirically study the behavior of performance variables (such as variations in sales, production, investment and inventory levels), against variations of the Portuguese GDP. We estimate linear regression models using the fixed effects approach, to find that sales, production, investment, and inventory levels are affected by GDP fluctuations. While sales, production and investment are positively correlated, inventory levels present a negative correlation. Furthermore, we analyse how firm and supply chain characteristics affect the performance of companies. Nevertheless, we were not able to confirm the effect of firm characteristics on the GDP-elasticity of inventory levels. We did not confirm the existence of the bullwhip effect in the Portuguese economy, as most regressions showed a reverse bullwhip effect. However, we confirm that companies impacted by the same shock react differently, giving evidence to which factors shield companies from shocks. }
{pt=Cadeias de Abastecimento Globais, Choques Macroeconómicos, Crise Económica, Comércio Internacional, Bullwhip Effect, en=Global Supply Chains, Macroeconomic Shocks, Economic Crisis, International Trade, Bullwhip Effect, Supply Chain Performance}

Janeiro 21, 2021, 11:0

Orientação

ORIENTADOR

Tiago Miguel Pinheiro Fonseca

World Maritime University

Technical Officer (Ph.D. in Engineering and Management)

ORIENTADOR

Hugo Miguel Fragoso de Castro Silva

Departamento de Engenharia e Gestão (DEG)

Professor Auxiliar Convidado