Dissertação

{en_GB=Acceptance and Support of Product Service Systems. New Shared Individual Transportation} {} CONFIRMED

{pt=Os serviços têm tido um impacto crescente na economia de diferentes países e estão cada vez mais presentes no sector dos transportes, como resposta aos problemas de sustentabilidade que este enfrenta actualmente. Os sistemas de micromobilidade partilhada surgiram em grande número em várias cidades do mundo, inclusive em Portugal e, como todos os serviços, o seu sucesso depende de diferentes factores valorizados pelos consumidores. Portanto, o objetivo desta dissertação foi entender os fatores que influenciam o uso da micromobilidade partilhada - compreendendo bicicletas convencionais, bicicletas elétricas e trotinetes elétricas – uma vez que estes têm o potencial de tornar as cidades mais sustentáveis. Para entender a intenção de uso da micromobilidade partilhada, foi desenvolvida uma extensão do Modelo de Aceitação de Tecnologia e, posteriormente, empiricamente testada com dados primários recolhidos por meio de um questionário destinado a indivíduos residentes em Portugal na faixa etária de 18 a 35 anos. Esses dados foram analisados utilizando PLS-SEM. Concluiu-se que a intenção de uso da micromobilidade partilhada é influenciada positivamente pela fiabilidade apercebida e por motivações hedónicas, através da facilidade de uso e utilidade apercebidas, e que o valor do preço tem um efeito direto positivo na intenção de uso. Além disso, a existência de condições de segurança também é importante no uso destes sistemas. O modelo proposto foi capaz de explicar 51,5% da variância da intenção de uso. Melhorias nos serviços e nas condições para usá-los podem ser feitas pelos prestadores de serviços e pelas cidades com base nas conclusões deste estudo., en=Services have a growing impact on the economy of different countries and are increasingly present in the transportation sector as a response to the sustainability problems it currently faces. Shared micromobility schemes have emerged in large number in several cities worldwide, including in Portugal, and, as all services, their success is dependent on different factors valued by the consumers. Hence, the goal of this thesis was to understand the factors that influence the use of shared micromobility - comprising conventional bicycles, electric bicycles and electric scooters - as these have the potential to make cities more sustainable. To understand the use intention of shared micromobility, an extension to the Technology Acceptance Model was developed and, further, empirically tested with primary data collected through a questionnaire aimed at individuals in Portugal in the age range of 18 to 35 years old. This data was then analyzed with a partial least squares structural equation modeling approach. It was concluded that the use intention of shared micromobility is positively influenced by perceived reliability and hedonic motivation, through perceived ease of use and perceived usefulness, and that the price value has a positive direct effect on use intention. In addition, the existence of safety conditions is also important in the use of those schemes. The proposed model was able to explain 51.5% of the variance of use intention. Improvements on the services and conditions to use them can be made by service providers and cities’ authorities based on the conclusions of this study.}
{pt=serviços, transportes, micromobilidade partilhada, modelo de aceitação de tecnologia, PLS-SEM, en=services, transportation, shared micromobility, technology acceptance model, PLS-SEM}

Dezembro 4, 2019, 12:0

Orientação

ORIENTADOR

Carlos Manuel Pinho Lucas de Freitas

Departamento Eng.e Gestão - Presidência (CC. 2901)

ORIENTADOR

António Miguel Areias Dias Amaral

Departamento de Engenharia e Gestão (DEG)

Professor Auxiliar