Dissertação

{en_GB=A simulation model for predicting palliative care needs and utilization of cancer patients} {} EVALUATED

{pt=Nos países europeus, o número de pacientes oncológicos e de mortes causadas por cancro aumenta anualmente. Este aumento é influenciado pelo envelhecimento da população e pelo aumento da incidência de cancro em cada faixa etária. O mesmo problema afeta a população Portuguesa. Os pacientes oncológicos, que sofrem de um elevado número de sintomas nos seus últimos meses de vida, podem receber cuidados paliativos, um serviço destinado a aliviar a dor e outros sintomas angustiantes nos pacientes que sofrem de doenças fatais. Estes cuidados ainda estão numa fase inicial, com disponibilidade limitada. Uma expansão destes serviços é essencial, requerendo informação sobre o número atual e futuro de pacientes que necessitam de cuidados paliativos. No entanto, não existe qualquer estimativa clara das necessidades atuais, e apesar da existência de várias metodologias para prever as necessidades futuras de vários cuidados de saúde, estas ainda não foram aplicados aos cuidados paliativos. O objetivo deste estudo é determinar o número atual e futuro de pacientes com cancro que necessitam de cuidados paliativos, desagregados por idade e género, através de uma metodologia de árvore de ciclo de Markov, permitindo a separação de pacientes nos diferentes tipologias de serviços (cuidados em ambulatório, domicílio e internamento), de acordo com fatores como a fase da doença e rendimento. Adicionalmente, os custos associados a estes serviços são calculados e comparados com os custos de fornecer esses serviços fora da rede de cuidados paliativos. Esta metodologia é aplicada no distrito de Lisboa e nos seus concelhos, entre 2016 e 2021., en=In European countries, the number of cancer patients and of deaths caused by cancer grows each year. This growth is influenced by the ageing of the population and by cancer’s rising incidence within each age group. The same problem affects the Portuguese population. Cancer patients, suffering from a high number of symptoms in their last months of life, may receive Palliative Care (PC), a service designed to alleviate pain and other distressing symptoms in patients suffering from life-threatening illnesses. PC is still in an incipient stage, with limited availability. An expansion of these services is necessary, requiring knowledge of the current and future number of patients benefiting from PC. However, no clear estimation of current needs exists, and while methodologies have been developed to predict future health care needs, they have not yet been applied to PC. The goal of this study is then to determine the current and future number of cancer patients requiring PC, disaggregated by age and gender, through the use of a Markov cycle tree methodology, which also allows the separation of patients across the different service typologies (ambulatory care, home care and inpatient care) according to factors such as phase of disease and income level. Additionally, the costs associated with these services are calculated and compared to the costs of providing those services outside a specialized PC network. The developed methodology is applied at the small-area level, to the Lisbon county and its municipalities, from the 2016 to 2021 period.}
{pt=Cuidados de Saúde, Cuidados Paliativos, Planeamento, Previsão de Necessidades, Simulação, Árvore de Ciclo de Markov, en=Health Care, Palliative Care, Planning, Demand Prediction, Simulation, Markov Cycle Tree}

Novembro 21, 2016, 16:0

Publicação

Obra sujeita a Direitos de Autor

Orientação

ORIENTADOR

Cristina Maria Pires Ribeiro Gomes

Faculdade de Medicina da Universidade de Lisboa

Doutora

ORIENTADOR

Teresa Sofia Sardinha Cardoso de Gomes Grilo

Departamento de Engenharia e Gestão (DEG)

Prof Auxiliar Convidado