Dissertação

{en_GB=Studying Wayfinding in Healthcare Facilities Using Two Different MCDA Approaches} {} CONFIRMED

{pt=Wayfinding em edifícios complexos é uma área interessante e onde muito trabalho de pesquisa tem sido desenvolvido. Discute elementos como a sinalização estática, o uso de aplicações e elementos arquitetónicos. Este trabalho centra-se numa área específica, nomeadamente em projetar um sistema de wayfinding hospitalar que seja inclusivo para pacientes (e visitantes). Os desafios aqui não são apenas a complexidade dos espaços e o stress dos pacientes quando visitam um hospital, mas também a grande variedade de pacientes. Embora isso seja geralmente reconhecido, o trabalho desenvolvido até agora não tem sido suficiente para integrar todos esses diferentes requisitos – critérios para otimizar o sistema de wayfinding – num só modelo. O presente trabalho fornece uma revisão abrangente do conjunto de aspetos encontrados na literatura que afetam o desempenho das atividades de wayfinding em edifícios complexos, especialmente em espaços de saúde. Para avaliar o papel que esses fatores exercem no desempenho de indivíduos inseridos num dos grupos de utilizadores aqui explorados, duas abordagens de MCDA - Análise de Decisão Multicritério - foram selecionadas. A utilização de MCDA permitiu quebrar a complexidade do problema tornando possível um processo intuitivo e transparente para aceder às prioridades e valores dos diferentes utilizadores. As abordagens utilizadas foram adaptadas ao problema em estudo e foi realizada uma sessão de avaliação com idosos de uma instituição de repouso. Os resultados obtidos contribuíram para uma compreensão completa em que medida os aspectos inerentes dos espaços de saúde afetam os utilizadores ao tentar chegar ao seu destino. , en=Wayfinding in complex public buildings is an interesting and well-researched area, discussing elements as static signage, use of apps and architectural elements of the environments. This research focuses on a specific area, namely designing an inclusive hospital wayfinding system for patients (and visitors). Challenges here are not only the complexity of the built environment and the stress patients usually have when visiting a hospital but also the large variety of patients that one can encounter in this environments. Although this is generally recognized, not much work has been done so far to integrate all these different requirements – criteria for optimizing wayfinding systems – in a single model. The present research work provides a comprehensive explanation of the set of aspects collected in the available literature that are linked to the wayfinding performance in complex buildings and specially in healthcare facilities. In order to evaluate the role that these factors play in the wayfinding performance of individuals inserted in one of the user groups here explored, two Multi-Criteria Decision Analysis (MCDA) approaches were selected. The use of MCDA allowed to break down the complexity of the problem towards an intuitive and transparent process to access the priorities and values of the different users. The approaches used were adapted to the problem under study and an assessment session was conducted with individuals from a retirement home facility. The obtained results contributed to a thorough understanding, to which extent, the inherent aspects of healthcare facilities affect users trying to reach their destination.}
{pt=Wayfinding, Espaços de Saúde, Grupos de Utilizadores, MCDA, en=Wayfinding, Healthcare Facilities, User Groups, MCDA}

Novembro 25, 2019, 9:0

Orientação

ORIENTADOR

Liliane Pintelon

Centre for Industrial Management / Traffic and Infrastructure, KU Leuven, Belgium

Professor

ORIENTADOR

Ana Catarina Lopes Vieira Godinho de Matos

Centro de Estudos de Gestão do IST (CEG-IST)

Doutora