Disciplina

Área

Área Científica de Engenharia e Gestão de Sistemas > Decisão e Informação

Activa nos planos curriculares

MEGE > MEGE > 2º Ciclo > Formação Livre > Fundamentos de Investigação Operacional

LEGI 2006 > LEGI 2006 > 1º Ciclo > Ciências de Engenharia > Fundamentos de Investigação Operacional

Nível

O ensino está organizado em 14 semanas com 3hs T e 1.5 PB. Cada sessão T é dividida em duas partes: uma de exposição da matéria através de diapositivos, outra apresentação e discussão de exemplos práticos. Na primeira parte, o docente expõe os principais modelos, algoritmos, aplicações e respectiva literatura chave de cada tópico da matéria. Para cada sessão, os alunos deverão efectuar uma leitura aos diapositivos previamente facultados. Os alunos podem optar por dois testes ou um exame final e um projecto (facultativo) a entregar no final do semestre. Neste projecto, podem desenvolver um modelo de IO, de preferência em contexto real ou realista, resolvê-lo através de uma aplicação informática adequada, interpretar os resultados e apresentar as suas recomendações.

Tipo

Não Estruturante

Regime

Semestral

Carga Horária

1º Semestre

3.0 h/semana

1.5 h/semana

105.0 h/semestre

Objectivos

O objetivo essencial, da disciplina de Investigação Operacional, é o de preparar, quem a frequente, para abordar a resolução de problemas complexos da vida real, identificando componentes que possam ser formulados como modelos ou associações de modelos, de entre o vasto repertório de ferramentas que integram o domínio da investigação operacional.

Programa

1-Introdução à Investigação Operacional (IO) Perspectiva histórica. Potencialidades e limitações da IO. Metodologia da IO. 2-O Modelo de Programação Linear (PL) 3-Formulação de problemas 4-Resolução gráfica de problemas de PL. 5-Interpretação e fundamentação do Método Simplex. 6-Método simplex revisto 7-Técnicas das duas fases e m-grande. 8-Dualidade e análise de sensibilidade em PL. 9-Casos especiais de PL: os problemas de transportes, transexpedição e de afetação. 10-Previsão. 11-Simulação.

Metodologia de avaliação

O ensino está organizado em 14 semanas com 3hs T e 1.5 PB. Cada sessão T é dividida em duas partes: uma de exposição da matéria através de diapositivos, outra apresentação e discussão de exemplos práticos. Na primeira parte, o docente expõe os principais modelos, algoritmos, aplicações e respectiva literatura chave de cada tópico da matéria. Para cada sessão, os alunos deverão efectuar uma leitura aos diapositivos previamente facultados. Os alunos podem optar por dois testes ou um exame final e um projecto (facultativo) a entregar no final do semestre. Neste projecto, podem desenvolver um modelo de IO, de preferência em contexto real ou realista, resolvê-lo através de uma aplicação informática adequada, interpretar os resultados e apresentar as suas recomendações.

Bibliografia

Principal

Pesquisa Operacional

Hillier, F.S., e G.J. Lieberman

2006

McGraw-Hill


Secundária

Tópicos em Investigação Operacional

Acácio Porta Nova, João Carlos Lourenço

2003-04

Apontamentos DEG


Investigação Operacional

Tavares, L.V., Themido, I.H., Oliveira, R.C. e F.N. Correia

2003-04

McGraw-Hill


Introduction to Operations Research (8.th Ed.)

Hillier, F.S., e G.J. Lieberman

2005

McGraw-Hill