Disciplina

Área

Área Científica de Engenharia e Gestão de Organizações > Economia e Finanças

Activa nos planos curriculares

MEGIE 2019 > MEGIE 2019 > 2º Ciclo > Tronco Comum > Economia

MEE 2006 > MEE 2006 > 2º Ciclo > Tronco Comum > Opção de Gestão > Economia

MEGE > MEGE > 2º Ciclo > Formação Livre > Economia

MEIC-T 2006 > MEIC-T 2006 > 2º Ciclo > Opções > Economia

MEIC-A 2006 > MEIC-A 2006 > 2º Ciclo > Opções > Economia

Nível

A nota final é determinada da seguinte forma: - Exame Final: 70% - Mini-testes a realizar durante o semestre: 30%. Para incentivar a presença e participação nas aulas, bem como para promover melhores notas finais, serão dados quatro mini-testes no final das aulas práticas nas semanas 4, 7, 10 e 13. Os três mini-testes com a melhor nota contribuirão para 30% da nota final. Os alunos podem, no entanto, decidir serem avaliados exclusivamente com base no exame final, dispensando os mini-testes. Neste caso, o exame valerá 100% da nota final.

Tipo

Não Estruturante

Regime

Semestral

Carga Horária

1º Semestre

3.0 h/semana

1.5 h/semana

105.0 h/semestre

Objectivos

A unidade curricular visa introduzir os alunos aos conceitos básicos da Microeconomia e da Macroeconomia de forma a proporcionar um melhor entendimento do enquadramento económico em que se desenvolverá a sua actividade profissional, permitindo-lhes compreender melhor as decisões das empresas e as políticas do Estado. Objectivos de Aprendizagem: 1. Espera-se que no final do curso os alunos sejam capazes de compreender os processos de decisão económics das empresas e das famílias, a sua interacção nos mercados, e o papel desempenhado pelo Estado. 2. Espera-se que no final do cursos os alunos sejam capazes de compreender o ambiente macroeconómico nacional e internacional, e as formas utilizadas pelos Estados para influenciar a sua evolução.

Programa

1. Introdução. Princípios de Economia. Microeconomia e Macroeconomia. Economia Positiva e Economia Normativa. Leitura recomendada: Mankiw and Taylor, Ch. 1, Ch. 2. 2. Procura e Oferta. Eficiência, bem-estar, e intervenção do Estado. Leitura recomendada: Mankiw and Taylor, Ch. 3., Ch. 7, Ch. 8., Ch. 9. 3. O comportamento do consumidor e a função de procura. Elasticidade da procura. Leitura recomendada: Mankiw and Taylor, Ch. 4, Ch. 5. 4. Produção e custos. Decisão sobre preço e quantidade de produção: empresas em mercados perfeitamente competitivos. Leitura recomendada: Mankiw and Taylor, Ch. 6. 5. Decisões sobre preço e quantidade de produção: empresas com poder de mercado (monopólio). Leitura recomendada: Mankiw and Taylor, Ch. 14 6. Decisão sobre preço e quantidade de produção: empresas com poder de mercado (concorrência monopolística e oligopólios). Leitura recomendada: Mankiw and Taylor, Ch. 15, Ch. 16. 7. Medição do produto de um país e o custo de vida. Produção e crescimento. Leitura recomendada: Mankiw and Taylor, Ch. 20, Ch. 21, Ch. 22. 8. Desigualdade de rendimentos e pobreza. Desemprego. Leitura recomendada: Mankiw and Taylor, Ch. 18, Ch. 23. 9. Poupança, investimento e o sistema financeiro. O sistema monetário. Oferta de dinheiro e inflação. Leitura recomendada: Mankiw and Taylor, Ch. 24, Ch. 26, Ch. 27. 10. Economia Keynesiana e a análise IS-LM. Leitura recomendada: Mankiw and Taylor, Ch. 31. 11. Procura e oferta agregadas. A influência das políticas monetárias e fiscais na procura agregada. Leitura recomendada: Mankiw and Taylor, Ch. 32, Ch. 33. 12. O compromisso de curto prazo entre inflação e desemprego. Medidas políticas do lado da oferta. Leitura recomendada: Mankiw and Taylor, Ch. 34, Ch. 35. 13. Áreas monetárias óptimas, e a União Monetária Europeia. A crise financeira e a dívida soberana. Leitura recomendada: Mankiw and Taylor, Ch. 36, Ch. 37.

Metodologia de avaliação

A nota final é determinada da seguinte forma: - Exame Final: 70% - Mini-testes a realizar durante o semestre: 30%. Para incentivar a presença e participação nas aulas, bem como para promover melhores notas finais, serão dados quatro mini-testes no final das aulas práticas nas semanas 4, 7, 10 e 13. Os três mini-testes com a melhor nota contribuirão para 30% da nota final. Os alunos podem, no entanto, decidir serem avaliados exclusivamente com base no exame final, dispensando os mini-testes. Neste caso, o exame valerá 100% da nota final.

Bibliografia

Principal

Economics

Nicholas G. Mankiw and Mark P. Taylor

2017

Cengage Learning, 2017, 4th ed.


Secundária

Economia

Paul Samuelson and William Nordhaus

2017/2018

McGraw-Hill/Bookman, 19ª ed.