Dissertação

{pt_PT=BIM e arquitectura: da aprendizagem à prática} {} EVALUATED

{pt=A crescente mudança tecnológica operada no setor AEC (Arquitetura, Engenharia e Construção), tem possibilitado a implementação de novas abordagens de trabalho. Os tempos demorados de elaboração e construção de um projeto segundo os métodos tradicionais e o aumento da complexidade e do crescimento de especialidades envolvidas nos projetos, impõem uma necessidade de comunicação e coordenação entre intervenientes, para evitar erros e omissões. Com a implementação da tecnologia BIM nas empresas, surgem diversas vantagens, no projeto e coordenação, bem como no surgimento de novas oportunidades de emprego no mercado de trabalho atual.Contudo, a falta de profissionais habilitados para fazer face às mudanças do setor ainda é uma questão proeminente. A formação BIM existente é escassa, sobretudo no meio académico, onde poucas universidades incluem o ensino BIM em unidades curriculares. Com este pressuposto, é objetivo deste trabalho realizar uma análise das ofertas de formação académica BIM existentes, para entender o perfil do atual Arquiteto recém-licenciado na relação com as necessidades que surgem das recentes mudanças operadas no setor AEC. Este trabalho consistiu num levantamento bibliográfico sobre a implementação BIM, na indústria e na educação, e num inquérito a recém-licenciados em Arquitetura, cujas conclusões foram comparadas com o levantamento elaborado nos primeiros capítulos.Concluiu-se que os conhecimentos relativos a modelação e softwares são os tópicos mais abordados pelas universidades nacionais em formação BIM. É necessário desenvolver o conhecimento das restantes ferramentas BIM, sobretudo a nível metodológico e de conceitos, permitindo mais tarde, aos alunos, entender as áreas BIM a investir em regime de pós-graduação. , en=The growing technological change in the AEC sector made it possible to implement new work approaches. The time taken to prepare a project according to traditional methods and the increase in complexity and the growth of specialties involved in the projects, impose a need for communication and coordination between stakeholders, to avoid errors. With the implementation of BIM technology in companies, several advantages arise, in the design and coordination, as well as in the emergence of new job opportunities in the current job market. However, the lack of qualified professionals to deal with changes in the sector is still a prominent issue. Existing BIM training is still scarce, especially in academia, with few universities including BIM teaching in curricular units. The objective of this work is to carry out an analysis of the existing BIM academic training offers, in order to understand the profile of the current newly graduated Architect in relation to the needs that arise from the recent changes in the AEC sector. This work consisted of a bibliographic analysis on the BIM implementation, in industry and education, and a survey of recent graduates in Architecture. It was concluded that knowledge related to modeling and software are the topics most addressed by national universities in BIM training. It is necessary to develop the knowledge of the remaining BIM tools, especially at the methodological and conceptual level, allowing students, later, to understand the BIM areas to invest in the postgraduate system. }
{pt=BIM, Educação, Implementação BIM, Metodologia, en=BIM, Education, BIM Implementation, Methodology}

Janeiro 15, 2021, 10:30

Orientação

ORIENTADOR

Francisco Manuel Caldeira Pinto Teixeira Bastos

Departamento de Engenharia Civil, Arquitectura e Georrecursos (DECivil)

Professor Auxiliar

ORIENTADOR

António Morais Aguiar da Costa

Departamento de Engenharia Civil, Arquitectura e Georrecursos (DECivil)

Professor Auxiliar