Dissertação

{pt_PT=Variation in methylmercury biomagnification in freshwater and terrestrial invertebrates: a critical review} {} EVALUATED

{pt=O mercúrio é um poluente que pode ser encontrado em ecossistemas remotos devido à capacidade de dispersão do mercúrio elementar. Metilmercúrio é a forma de mercúrio com maior capacidade de bioacumulação e biomagnificação e a concentração em baixos níveis tróficos pode ter impactos em organismos de níveis tróficos superiores. Dados sobre a concentração total de mercúrio, metilmercúrio e isótopos estáveis de C e N de invertebrados de água doce foram extraídos da literatura. As características físico-químicas dos ecossistemas também foram extraídas para avaliar o impacto que têm na bioacumulação e biomagnificação. Com esta análise foi possível compreender quais os invertebrados que, devido à bioacumulação de metilmercúrio, apresentam maior risco para níveis tróficos superiores. A elevada variabilidade de metilmercúrio em certas famílias indica que, em estudos de contaminação, os investigadores devem ter cuidado quando agrupam por família pois certas espécies podem ter elevadas concentrações devido à sua ecologia e devem ser tratadas separadamente. Em quatro invertebrados, foi possível concluir que a sua concentração de metilmercúrio depende do habitat. Análises mostraram também que o pH está negativamente correlacionado com a concentração de metilmercúrio nos invertebrados e que esta aumenta com o nível trófico. Este estudo destaca a importância de análises padronizadas e quais os dados a serem recolhidos em estudos ecotoxicológicos de modo a permitir que sejam produzidos artigos de revisão a larga escala e a incorporação em avaliações de risco internacionais. São destacadas também recomendações como incluir as características físico-químicas dos ecossistemas em artigos relacionados com bioacumulação e biomagnificação de mercúrio., en=Mercury is a pollutant that can be found in remote areas due to the atmospheric global dispersion of elemental mercury. Methylmercury is the form of mercury with highest capacity to bioaccumulate and biomagnify, such that its concentration in lower trophic levels can have impacts on a variety of higher trophic organisms. Data on methylmercury, total mercury concentration and stable isotopes of C and N from several types of freshwater invertebrates were compiled from published peer-reviewed literature. The physico-chemical characteristics of the ecosystems provided in the papers were also compiled to assess their predictive relationships with mercury bioaccumulation and biomagnification. The analysis provided insight into which invertebrates pose a higher risk to upper trophic levels due to their methylmercury bioaccumulation. The high variability of methylmercury in some families of invertebrates indicates that researchers should be aware if grouping by family for contamination studies because some species may be outliers due to detail of their specific ecology and should be handled separately. In four invertebrates, it was possible to conclude that their methylmercury content was related to their habitat. Analysis also showed that pH is negatively correlated with the concentration of methylmercury in invertebrates and that this increases with trophic level. Additionally, this research highlights the importance of standardized analyses and data to be collected in ecotoxicological studies to increase the capacity for large scale reviews and incorporation in international risk assessments. Recommendations such as including the physico-chemical characteristics of the ecosystems in papers related to mercury bioaccumulation and biomagnification are highlighted.}
{pt=Metilmercúrio, Bioacumulação, Biomagnificação, Invertebrados, Avaliação de risco, en=Methylmercury, Bioaccumulation, Biomagnification, Invertebrates, Risk assessment}

Dezembro 17, 2020, 16:0

Orientação

ORIENTADOR

Nelson James O’Driscoll

Department of Earth & Environmental Sciences, University of Acadia, Canada

Dr.

ORIENTADOR

João Alfredo Vieira Canário

Departamento de Engenharia Química (DEQ)

Professor Auxiliar Convidado