Dissertação

{pt_PT=Análise dos desvios de custo em empreitadas públicas em Portugal. A perspectiva do dono de obra} {} EVALUATED

{pt=A construção civil é uma atividade socioeconómica com grande impacto a nível mundial, que acompanha o desenvolvimento dos países. Entre outros intervenientes destacam-se as entidades públicas, pela dimensão e impacto dos seus investimentos. Esta questão levanta preocupações no uso do dinheiro público, não só pela aplicação eficaz como também pela otimização dos recursos. Posto isto, a presente dissertação aborda a temática dos desvios de custo em empreitadas públicas em Portugal, tomando a perspetiva do dono de obra. De forma a estudar este acontecimento em Portugal, foram obtidos 5016 contratos de empreitadas públicas. Das empreitadas estudadas 62% apresentaram desvios de custo, totalizando desvios de custo médios de -1,77%. As empreitadas que excederam os custos representam 20,6% da amostra, com desvios de custo médios de 5,8%, por outro lado, as empreitadas que ficaram aquém dos preços contratuais contabilizaram 41,6% da amostra, com desvios médios de -7,1%. Em comparação com os outros artigos, a presente análise apresenta maioritariamente desvios negativos. Do estudo afere-se que as empreitadas realizadas nos anos que iniciaram o período financeiro, assim como, as com maior valor contratual são as mais afetadas com desvios. Conclui-se na análise multidimensional que a variável com maior poder de explicação é o tipo de obra, representado pela categoria CPV e com a região. Também é revelado que os aspetos políticos, na realização de empreitadas, são menos relevantes do que a empreitada e a economia. , en=Construction is a socio-economic activity with great impact worldwide, associated with the development of countries. Thus, the construction sector acts as a pillar for the development of humanity. Public entities stand out due to the size and impact of their investments, and so, concerns arise regarding the use of taxpayers’ money. Therefore, this dissertation addresses the issue of cost deviations in public sector investment projects in Portugal, from the owner’s perspective. To study this topic in Portugal, a sample of 5016 public infrastructure projects was collected through the Portal Base. Overall, 62% of the sample studied showed cost deviations, with an average total cost deviation of -1.77%. Projects that exceeded budgeted costs represent 20.6% of the sample, with an average cost deviation of 5.8%. On the other hand, contracts that fell short of award prices accounted for 41.6% of the sample, with average deviations of -7.1%. In comparison with the other articles, this analysis shows mostly negative deviations. The study shows that projects carried out at the beginning of the financial crisis, as well as those with the highest budgeted expenditure, are the most affected by deviations. The paper concludes, in the multidimensional analysis, that the variable with the greatest explanatory power is the type of project, represented by the category CPV and the type of region. Finally, this study reveals that the political aspects, to execute public investment, are less relevant than the project itself and the state of the economy. }
{pt=Desvios de custo, Obras públicas, Dono de obra, Estimativa, en=Cost Deviations, Public Infrastructure, Project’s Owner, Estimation}

novembro 22, 2022, 11:0

Publicação

Obra sujeita a Direitos de Autor

Orientação

ORIENTADOR

Vitor Faria e Sousa

Departamento de Engenharia Civil, Arquitectura e Georrecursos (DECivil)

Professor Auxiliar