Dissertação

{pt_PT=Habitação flexível e evolutiva. Considerações sobre tradição e futuro entre o Japão e o Chile} {} EVALUATED

{pt=A presente investigação pretende explorar como o potencial da habitação adaptável, flexível e evolutiva pode constituir uma resposta à volatilidade da condição humana, focando-se no desenvolvimento destes conceitos a partir da arquitetura do movimento moderno. O estudo ambiciona analisar e comparar dois casos de estudo: a casa tradicional japonesa adaptada ao estilo de vida do século XX e a habitação incremental desenvolvida pelo grupo Elemental, no Chile. A investigação inicia-se com uma análise sintética das capacidades de transformação da habitação ao longo dos tempos, refletindo brevemente sobre a flexibilidade funcional inerente à arquitetura vernácula e fazendo a ligação entre técnicas ancestrais e tradicionais, o desenvolvimento experimental do movimento moderno e das recentes inovações contemporâneas. Seguidamente, são analisados o contexto, os ideais e as estratégias arquitetónicas referentes aos dois casos de estudo. Posteriormente, comparam-se os casos de estudo, procurando avaliar o potencial contido na conjugação das características dos dois sistemas. Da análise e comparação dos casos de estudo é possível identificar padrões, que podem ser conjugados para responder a diferentes contextos. Defende-se que uma habitação deve ser concebida para o habitante e o respetivo contexto, necessitando, portanto, de conseguir responder às transformações do quotidiano e à mutabilidade do tempo que passa., en=This research aims to explore how the potential of adaptive, flexible and evolutive housing can be a response to the volatility of the human condition, focusing on the development of these concepts from the architecture of the modern movement. The study aims to analyze and compare two case studies: the traditional Japanese house adapted to the 20th century lifestyle and the incremental housing developed by the Elemental group in Chile. The research begins with a synthetic analysis of the transformation capabilities of housing over time, reflecting briefly on the functional flexibility inherent in vernacular architecture and making the connection between ancestral and traditional techniques, the experimental development of the modern movement and recent contemporary innovations. Next, the context, ideals, and architectural strategies concerning the two case studies are analyzed. Subsequently, the case studies are compared, seeking to evaluate the potential contained in the combination of the characteristics of the two systems. From the analysis and comparison of the case studies it is possible to identify patterns, which can be combined to respond to different contexts. It is argued that a dwelling should be designed for the inhabitant and the respective context, thus needing to be able to respond to the changes of daily life and the mutability of the passing time.}
{pt=Habitação flexível, Habitação evolutiva, Organização espacial, Japão, Chile, Elemental, en=Flexible housing, Evolutive housing, Spatial composition, Japan, Chile, Elemental}

dezembro 7, 2022, 13:0

Publicação

Obra sujeita a Direitos de Autor

Orientação

ORIENTADOR

Ana Cristina Dos Santos Tostões

Departamento de Engenharia Civil, Arquitectura e Georrecursos (DECivil)

Professor Catedrático