Dissertação

{pt_PT=Avaliação simplificada da cidade face a inundações - O caso de estudo da bacia de drenagem de Bento Ferreira} {} EVALUATED

{pt=A resiliência corresponde de modo simplificado à capacidade de um sistema recuperar rapidamente a sua funcionalidade perante a ocorrência de um evento disruptivo. Em virtude do crescente aumento da frequência em que se verificam a ocorrência de inundações, a resiliência constitui uma ferramenta de diagnóstico e de desenvolvimento de medidas mitigadoras dos impactos das inundações. A implementação de uma estratégia que assegure a resiliência configura um cenário urgente, em virtude das projeções climáticas, em que se prevê o aumento das precipitações, temperaturas e nível médio do mar. O presente trabalho tem como objetivo avaliar, num caso de estudo, a resiliência urbana através de de desempenho obtidos, com recurso a uma metodologia desenvolvida com base em simulação dinâmica do desempenho dos sistemas de drenagem, simplificada de forma a ser aplicável em cenários em que se verifique a escassez de dados. A cidade de Vitória, capital do estado de Espírito Santo no Brasil, encontra-se particularmente exposta às alterações climáticas, apresenta grande concentração populacional em zonas de risco, topografia maioritariamente plana e dispõe de um sistema de drenagem incapaz de transportar a totalidade do volume precipitado. O caso de estudo consiste na bacia de Bento Ferreira, em que os fatores anteriormente descritos se verificam. Os resultados obtidos indicam um comportamento resiliente da bacia de drenagem, contudo o panorama altera-se para os tempos de retorno superiores e cenário otimista de emissão de GEE (IPCC). Foi testada a implementação de reservatórios enterrados como forma de melhorar o comportamento da bacia, o que se verificou. , en=Floods in urban areas are becoming more common, primarily due to the increase in impervious areas and climate changes. The concept of resilience can provide the framework through which strategies and measures to mitigate the impacts of a flood can be developed. In order to adapt to this new threat, a shift to a more resilient way of thinking must be considered, coping with increases in rainfall, temperature, and average sea level. This dissertation aims to define the theoretical concept of urban resilience as a quantifiable variable through key performance indicators (KPI). The KPI’s were obtained by employing the methodology herein developed, in the course of this work, based on dynamic simulation of the performance of drainage systems in order to circumvent scenarios in which lack of data occurs. Vitória is the capital of the state of Espírito Santo, a Brazilian seaside city fustigated by frequent floods due to heavy precipitation events. Bearing in mind the high concentration of populace in areas of risk, a mostly flat landscape and a drainage system with performance issues, Vitória stands out as one of the global cities most exposed to the potential hazards attributable to climate change. Results indicate a fairly resilient behavior for the most frequent precipitation events. However, the system’s behavior becomes significantly worse for higher return period precipitations as well as for the considered climate change scenario. The proposed implementation of reservoirs in the urban drainage system demonstrates improvement in the resilient behavior of Bento Ferreira basin. }
{pt=Alterações Climáticas, Drenagem Urbana, Eventos extremos de precipitação, Inundações, Resiliência Urbana, en=Climate Change, Floods, Heavy Precipitation Events, Urban Drainage}

Junho 17, 2019, 16:0

Publicação

Obra sujeita a Direitos de Autor

Orientação

ORIENTADOR

Filipa Maria Santos Ferreira

Departamento de Engenharia Civil, Arquitectura e Georrecursos (DECivil)

Professor Auxiliar