Dissertação

{pt_PT=The impact of introducing an HOV lane in roadways at the acess points of Lisbon city} {} EVALUATED

{pt=A situação econômica na área metropolitana de Lisboa atrai pessoas de diferentes municípios para trabalhar em Lisboa. O número relativamente alto de veículos que acessam Lisboa diariamente resulta em um tráfego congestionado em todas as principais rodovias de acesso à cidade. O tráfego congestionado é maior nas rodovias A5, A2, A1 e IC19, com um tempo de viagem de até 40min. Com o intuito de reduzir o congestionamento de veículos, a introdução dos recursos de VAO (“Vias de Alta Ocupação”) e seus benefícios são estudados. O estudo técnico de viabilidade para introdução dos recursos de VAO está pronto para as vias A5 e A2. Nos dois casos, uma das faixas de uso geral será convertida em uma faixa exclusiva para VAO, separada das demais por uma marcação no asfalto ou obstáculos. A nova secção da via, os pontos de entrada e saída e as sinalizações adequadas já estão definidos. O estudo para adoção dessa nova técnica demonstra que é possível reduzir em 10 a 15 minutos o tempo de viagem utilizando a pista exclusiva de VAO, a qual tem a vantagem de ter uma velocidade máxima de 80 km/h comparada com a de 30 km/h permitida nas vias de acesso geral. Isso deverá encorajar as pessoas vêm a Lisboa diariamente (principalmente a trabalho) a dar caronas a outras pessoas ou a utilizar o transporte público. , en=The economical situation in the Lisbon Metropolitan Area lead commuters from different municipalities to work in Lisbon city. The relatively high number of vehicles reaching Lisbon resulted traffic congestion on all the main highways at the access point of the city. The traffic congestion is the most important in the A5, A2, A1, and IC19 highways with a maximum time of 40 min. In order to reduce this congestion, the introduction of HOV facilities and their benefits are studied. The technical feasibility study is made for the A5 and the A2 corridor, for the introduction of HOV facilities. In both cases, one of the General-purpose lanes is converted to a restricted HOV lane, separated with the other lanes by a buffer or a physical barrier. The new section of the corridor, the ingress/ egress points, and the adequate signals are defined. The evaluation of the use of this new technique, showed that it allows up to 10-15 min of travel timesaving by using the HOV facility, which has an average speed of 80 km/h, compared to 30 km/h for general-purpose lanes. This should encourage commuters to switch to carpooling or public transportation. }
{pt=VAO instalações, tráfego congestionado, tempo de viagem., en=HOV facilities, Traffic congestion, travel time, commuters}

Junho 6, 2018, 15:0

Orientação

ORIENTADOR

Fernando José Silva e Nunes da Silva

Departamento de Engenharia Civil, Arquitectura e Georrecursos (DECivil)

Professor Catedrático