Dissertação

{pt_PT=Modelo de captação dos custos do ciclo de vida das infraestruturas e equipamentos das entidades gestoras de resíduos - Caso de Estudo da Cascais Ambiente} {} EVALUATED

{pt=A publicação da série de normas ISO 55000 fornece um guia sobre a gestão de ativos. Um dos requisitos estabelecidos na ISO 55001 é a consideração do ciclo de vida do ativo, que vem em concordância com a diretiva comunitária relativa à contratação pública, que recomenda a avaliação da proposta economicamente mais vantajosa com base no CCV em detrimento do custo de aquisição. Relativamente ao sector dos resíduos, definem-se duas atividades principais: i) recolha; e ii) tratamento de resíduos. A respeito da recolha de resíduos, existem vários estudos sobre a otimização espacial dos serviços de recolha (planeamento de circuitos), no entanto escassas são as publicações sobre a otimização temporal, particularmente na definição dos planos de manutenção e substituição de equipamentos. A presente dissertação propõe uma metodologia do CCV com base na norma ISO 15686-5 e apresenta a sua aplicação ao serviço de recolha de resíduos do município de Cascais, com o objetivo de fornecer uma base para a otimização temporal do serviço, nomeadamente, na assistência a decisões relativas à operação e substituição dos equipamentos. A recolha no município de Cascais é dividida em 4 serviços: i) RSU; ii) SEL; iii) RCJ; e iv) RMO. Os contentores contribuem 8%, enquanto as viaturas de recolha representam 92% do CCV da recolha de resíduos. Nas viaturas a operação representa a maior parcela do CCV (até 82%). Na operação os custos de mão-de-obra representam até 88% (72% do CCV), assim as alternativas de redução de operadores terão maior potencial de redução de custos. , en=The recent publication of the ISO 55000 standards series provides a guide on asset management. One of the requirements set on the ISO 55001 is the consideration of the asset life cycle, which comes in line with the recent European Directive on public purchasing recommending the awarding based on the life-cost instead of the purchase cost. Focusing on the solid waste sector, there are two major components: i) waste collection; and ii) waste treatment. Regarding waste collection there are several studies on the special optimization of collection services (route planning), but, little is found on the time optimization of the collection service, namely definition the equipment maintenance and replacement plans and evaluation of equipment alternatives. The present communication proposes a methodology for the detailed LCC analysis based on the ISO 15686-5 and presents its application to the waste collection at Cascais municipality with the aim of providing a baseline for the time optimization of the service, namely assisting on decisions regarding equipment operation and replacement. Waste collection in Cascais Municipality is divided into 4 services: i) residual waste; ii) segregated waste; iii) garden waste; and iv) bulky waste. The containers contribute only 8%, while the vehicles represent 92% of waste collection LCC. The vehicles operation accounts for the largest share of their life-cycle costs, with up to 82%. Within the operation, labour cost represent up to 88% (72% of the life cycle costs), implying that alternatives on automation to reduce labour needs will have the highest potential for cost reduction. }
{pt=recolha de resíduos, viaturas de recolha, contentores, custo do ciclo de vida, gestão de ativos, en=waste collection, vehicles, containers, life-cycle cost, asset management}

Junho 14, 2017, 9:0

Publicação

Obra sujeita a Direitos de Autor

Orientação

ORIENTADOR

Vitor Faria e Sousa

Departamento de Engenharia Civil, Arquitectura e Georrecursos (DECivil)

Professor Auxiliar

ORIENTADOR

Marisa Isabel Lameiras da Silva

Entidade Reguladora dos Serviços de Águas e Resíduos (ERSAR)

Especialista