Dissertação

{pt_PT=Barriers to the Adoption of Modular Construction in Portugal: An Interpretive Structural Modelling Approach} {} EVALUATED

{pt=A construção modular é o método mais avançado de construção off-site atualmente utilizado, permitindo a execução de cerca de 80% dos módulos num ambiente controlado antes dos mesmos serem transportados e instalados em obra. A construção modular permite reduzir a calendarização, melhorar a qualidade e as estimativas de custo, aumentar a produtividade e tem o potencial para apresentar soluções mais sustentáveis do ponto de vista ambiental. A adoção da construção modular tem vindo a aumentar em vários países; contudo, em Portugal, a indústria baseia-se em métodos tradicionais e os níveis de adoção da construção modular são reduzidos. Esta dissertação explora as barreiras à adoção da construção modular através de métodos mistos de investigação. A investigação começa com uma revisão da literatura, seguida de um questionário para adquirir a opinião da indústria da construção, através do qual, são definidas 15 barreiras críticas à adoção da construção modular em Portugal. Os resultados do questionário são complementados com a aplicação da Modelagem Estrutural Interpretativa e da análise MICMAC, com o intuito de determinar as relações entre as barreiras críticas. A combinação das análises mostra que as principais barreiras à adoção de construção modular em Portugal são os baixos níveis de investigação e desenvolvimento praticados na indústria, a falta de entidades acreditadas para certificar a qualidade dos elementos pré-fabricados e a persistência na utilização de métodos tradicionais de construção. De acordo com os resultados, são propostas medidas de mitigação para reduzir o impacto destas barreiras e promover o uso da construção modular em Portugal., en=Modular construction is the most advanced method of off-site construction available, generating fully-fitted modules with up to 80% of the works completed in a controlled environment prior to their transportation and installation on-site. Modular construction enables schedule reductions, productivity and quality improvements, better cost predictability and can potentially provide environmentally friendlier solutions. The adoption of modular construction has increased in several countries worldwide. However, in Portugal, the adoption rates remain low, and the industry is still heavily reliant on traditional labour-intensive methods. This dissertation explores the barriers to the adoption of modular construction in Portugal through the use of a Mixed Methods Research (MMR). A comprehensive literature review of the barriers is conducted, followed by a questionnaire survey to determine the importance of the barriers, according to the opinion of Portuguese construction industry’s professionals, prioritizing a list of 15 items as critical barriers to the adoption of modular construction in Portugal. The results are complemented with the application of the Interpretive Structural Modelling (ISM) approach and Impact Matrix Cross-Reference Multiplication Applied to a Classification (MICMAC) analysis to determine the interrelationships between the barriers. The combined analysis shows that the main barriers to the adoption of modular construction in Portugal are the low levels of research and development, the lack of accredited organizations to certify the quality of manufactured components and the industry's unwillingness to innovate. Based on the results, tailored mitigating measures are proposed to reduce the impact of the barriers and promote the use of modular construction in Portugal.}
{pt=Construção modular, construção off-site, barreiras, métodos mistos, modelagem estrutural interpretativa, medidas de mitigação, en=Modular construction, off-site construction, barriers, mixed methods research, interpretive structural modelling, mitigation measures}

maio 19, 2021, 10:0

Publicação

Obra sujeita a Direitos de Autor

Orientação

ORIENTADOR

Amílcar José Martins Arantes

Departamento de Engenharia Civil, Arquitectura e Georrecursos (DECivil)

Professor Auxiliar

ORIENTADOR

Carlos Paulo Novais Oliveira da Silva Cruz

Departamento de Engenharia Civil, Arquitectura e Georrecursos (DECivil)

Professor Associado