Dissertação

{pt_PT=Um sistema revitalizador para o ginjal da produção agrícola ao mercado} {} EVALUATED

{pt=O Cais do Ginjal é um lugar de ruína, de abandono, de decadência. Todavia, continua a ser lugar de passagem. O Ginjal é considerado um lugar de oportunidade, o qual necessita de uma nova força motriz que o faça voltar a ser o cais fervilhante do passado. Apesar de ser um local de inúmeras oportunidades, é também lugar de muitas condicionantes. Pela sua localização geográfica, muito próximo do rio Tejo, comprimido pela arriba fóssil, de cotas muito elevadas que se torna um elemento barreira entre este e a cidade de Almada; e pelo seu património edificado que preserva a memória do lugar. Assim, encontrou-se um sistema que se pensa capaz de resolver o problema encontrado no cais. Este sistema propõe a criação de um novo mercado, uma nova praça, um novo porto, zonas de cultivo para produção agrícola, novos acessos verticais entre a cota do cais do Ginjal e as cotas da arriba. A intervenção não é apenas ao nível do cais, mas à escala da cidade, começando na Quinta do Almaraz e culminando no novo ponto de venda do Cais do Ginjal, o mercado. A proposta assenta em três premissas – Produção, Abastecimento e Venda – que pretende trazer um entendimento sustentável, assente na produção e venda locais, reduzindo o abastecimento por meios poluentes. É também realizada uma aproximação à escala de dois edifícios, o edifício do mercado e outro que receberá um programa de hortas verticais. , en=Cais do Ginjal is a place of ruin, abandonment, decay. However, it remains a place of passage. Ginjal is considered a place of opportunity, which needs a new driving force that will make it back to the boiling pier of the past. Despite being a place of countless opportunities, it is also a place of many constraints. Due to its geographical location, very close to the Tagus River, compressed by the fossil cliff, with very high levels that becomes a barrier element between this and the city of Almada; and for its built heritage that preserves the memory of the place. Thus, a system was found that is thought to be capable of solving the problem found on the pier. This system proposes the creation of a new market, a new square, a new port, cultivation areas for agricultural production, new vertical accesses between the level of the Ginjal wharf and the levels of the cliff. The intervention is not only at the pier level, but at the city scale, starting at Quinta do Almaraz and culminating in the new selling point of Cais do Ginjal, the market. The proposal is based on three premises - Production, Supply and Sale - which aims to bring a sustainable understanding, based on local production and sale, reducing supply by polluting means. An approach is also made to the scale of two buildings, the market building and another that will receive a program of vertical gardens}
{pt=horta vertical, mercado, produção agrícola, revitalização, en=vertical garden, market, agricultural production, revitalization}

Janeiro 22, 2021, 11:30

Orientação

ORIENTADOR

Paulo David Abreu Andrade

Departamento de Engenharia Civil, Arquitectura e Georrecursos (DECivil)

Professor Associado Convidado

ORIENTADOR

Daniela Arnaut Godinho Antunes

Departamento de Engenharia Civil, Arquitectura e Georrecursos (DECivil)

Professor Auxiliar Convidado