Dissertação

{pt_PT=Do abandono ao reuso Projeto de regeneração urbana de Olho de Boi} {} EVALUATED

{pt=O relatório traduz o trabalho desenvolvido para a unidade curricular de Projeto Final em Arquitetura 2, que procura responder ao desafio lançado para convocar novos usos à antiga zona industrial no Cais do Ginjal em Almada, a qual se encontra, em grande parte, abandonada. A partir do reconhecimento crítico do lugar, reflexão acerca da preservação do património industrial e análise crítica, foi identificada a área de atuação específica do projeto que se situa em Olho de Boi, onde se localizava a antiga Companhia Portuguesa de Pesca (CPP). O projeto pretende, assim, focar-se neste complexo da antiga indústria conserveira e piscatória que surgiu nos anos 20 e propõe um novo polo cultural para a frente ribeirinha de Almada. O projeto estabelece uma estratégia urbana propondo uma clarificação na dinâmica de habitabilidade, de forma a preservar e reconhecer o seu valor, mantendo a identidade do lugar. É proposta uma nova leitura do espaço público e do edificado preexistente, o redesenho da linha de costa, adaptação e criação de novas estruturas, suportados por novas soluções de articulações relativas à mobilidade. O projeto foca-se em dois conjuntos de edifícios que se irão definir como charneira no presente projeto: os edifícios do Museu Naval e novo edifício de extensão do museu; e um Estúdio Artístico juntamente com um novo edifício que alberga a Casa de Embarcações, local de paragem temporária de embarcações de pequeno porte., en=The report reflects the work developed for the course of Final Project in Architecture 2, which seeks to respond to the challenge launched in order to seek new uses to the old industrial zone at Cais do Ginjal in Almada, which is a largely abandoned waterfront area. From the critical recognition of the place, reflection on the preservation of the industrial heritage, and critical analysis, it was identified the specific intervention area of the project which is located in Olho de Boi, where the former Companhia Portuguesa de Pesca (CPP) was located. The project thus intends to focus on this complex of the old canning and fishing industry, which appeared in the 1920s and proposes a new cultural center for the Almada's riverside. The project will establish a new urban strategy proposing a clarification in the dynamics of habitability, in order to preserve and recognize its value, maintaining the identity of the place. A new reading of public and pre-existing space will be proposed, the redesign of the coastline, adaptation, and creation of new structures, supported by new solutions for articulations related to mobility. Based on this urban strategy, there will be a focus on two sets of buildings that will be defined as a hinge in the project: the buildings of the Naval Museum and the new museum extension building; and an Artistic Studio together with a new building that houses the Boat House, a place of temporary stop for small boats.}
{pt=Preservação, Industrial, Frente Ribeirinha, Ginjal, Almada, Polo Cultural, en=Preservation, Industrial, Riverfront, Ginjal, Almada, Cultural Center}

Janeiro 22, 2021, 10:30

Orientação

ORIENTADOR

Paulo David Abreu Andrade

Departamento de Engenharia Civil, Arquitectura e Georrecursos (DECivil)

Professor Associado Convidado

ORIENTADOR

Daniela Arnaut Godinho Antunes

Departamento de Engenharia Civil, Arquitectura e Georrecursos (DECivil)

Professor Auxiliar Convidado