Dissertação

{pt_PT=Contributo para um manual de dimensionamento sísmico de sistemas de elevadores} {} EVALUATED

{pt=Na eventualidade de um sismo, a operacionalidade dos serviços hospitalares é vital. A falha do sistema de elevadores neste tipo de edifícios pode impossibilitar o transporte vertical dos doentes e, assim, não permitir a prestação de cuidados médicos num momento tão crucial. Como tal, este trabalho pretende a consciencialização para a importância do dimensionamento de sistemas de elevadores face à ação sísmica, começando por uma breve descrição dos seus diversos elementos e dando especial atenção aos dispositivos de segurança sísmica. Segue-se uma análise retrospetiva de danos resultantes de eventos sísmicos baseada no registo do desempenho destes sistemas em eventos anteriores. Tal análise revela o descarrilamento do contrapeso como sendo a falha mais frequente, expondo o sistema contrapeso-guia como o que requer mais atenção por parte de um dimensionamento à ação sísmica. Sendo elementos não estruturais, os elevadores não são considerados na resistência estrutural do edifício onde se inserem, existindo apenas alguns regulamentos onde se definem requisitos mínimos de segurança específicos para os vários componentes. E, embora tenha sido aprovada, recentemente, a norma europeia EN81-77 que apresenta critérios de dimensionamento e instalação dos elevadores face à ação sísmica, ainda não é aplicada de forma generalizada em Portugal. Assim, abordam-se estes documentos e tais metodologias são comparadas. O método preconizado pela EN81-77 é o escolhido para ser confrontado no contexto de um caso de estudo baseado no Hospital do Barlavento Algarvio. Para tal, realizam-se análises dinâmicas com o intuito de obter a resposta dinâmica do sistema de guias das cabines e contrapesos. , en=In the event of an earthquake, the perfect operation of hospital services is vital. The failure of the elevator system in this type of building may make the vertical transportation of patients impossible, and thus not allow medical care at such crucial time. Therefore, this work intends to raise awareness to the importance of the seismic design of elevators, starting with a brief description of its various components and emphasizing seismic safety devices. Following that, is presented a retrospective analysis of damages resulting from seismic events based on the systems performance in previous events. Such analysis reveals the derailment of the counterweight as the most frequent failure, exposing the rail-counterweight system as requiring more attention by a project to the seismic action. Since the elevators are non-structural elements and thus not considered to be part of the structural strength of the building where they are installed, there are only a few regulations developed by countries as USA and Japan where specific minimum safety requirements are defined for the various components. And although EN81-77, approved in 2013, has design criteria for elevators against seismic action, it is not yet widely used in Portugal. For this matter, these documents are approached and such methodologies are compared. The method recommended by EN81-77 is the one chosen to be confronted in the context of a case study based on the Barlavento Algarvio’s Hospital. For this, dynamic analyses are carried out in order to obtain the dynamic response of the car and counterweight guide rails. }
{pt=Comportamento sísmico, Contrapeso, Dispositivos de segurança sísmica, Elevador, EN81-77:2013, Hospital, en=Counterweight, Earthquake safety device, Elevator/Lift, EN81-77:2013, Hospital, Seismic behavior}

Junho 30, 2017, 11:0

Publicação

Obra sujeita a Direitos de Autor

Orientação

ORIENTADOR

Jorge Miguel Silveira Filipe Mascarenhas Proença

Departamento de Engenharia Civil, Arquitectura e Georrecursos (DECivil)

Professor Associado