Dissertação

{pt_PT=Exploratory Socio-hydrogeological Assessment of the Long-term Effects of Groundwater Contamination to Improve Population Resilience} {} CONFIRMED

{pt_PT=A contaminação das águas subterrâneas pode representar sérios desafios principalmente em áreas vulneráveis. A região de Estarreja, no noroeste de Portugal, é um exemplo de um complexo industrial que está localizado num ambiente altamente vulnerável com um aumento do risco dos efeitos da contaminação nas águas subterrâneas a longo prazo, com possíveis impactos na saúde humana e dos ecossistemas, e desencadeando vários desafios socioeconómicos. Neste estudo, combinam-se informações hidrogeológicas e sociais (perceções e reações) dos habitantes (entrevistados) com o objetivo de compreender os desafios atuais para melhorar a resiliência da população. A análise de vulnerabilidade do aquífero mostrou que a área é altamente vulnerável a atividades que resultem em contaminação, especialmente as áreas em redor do complexo químico. Os resultados das análises hidroquímicas mostram que a área ainda está a associada a níveis variáveis de atividades contaminantes, conforme indicado nos principais processos que controlam a química das águas subterrâneas na área. A análise estatística multivariada, particularmente a análise de componentes principais (PCA) confirmou que a composição das águas subterrâneas são influenciadas pela contaminação antropogénica com origem nas águas superficiais das valas localizadas na área de estudo. A combinação de informações hidrogeológicas e sociais resultou num elo complexo entre os dados que não seguem uma linha racional lógica, o que possivelmente se deve ao facto de não haver uma comunicação efetiva dos riscos e necessárias precauções resultantes do uso de águas subterrâneas contaminadas na região. Pelo que haverá a necessidade de realizar campanhas participativas eficazes e de consciencialização para melhorar a resiliência da população., en_GB=Contamination of groundwater can pose serious challenges especially in environment where hydrogeological conditions increase the vulnerability level of the aquifer to contamination. The Estarreja region, Northwest of Portugal is an example where an industrial complex is located within a highly vulnerable environment, thereby triggering the effects of long-term groundwater contamination resulting in threats to the inhabitants (humans and ecosystems) and triggering various socio-economic challenges. In this study, we combined hydrogeological information of the environment with social data (perceptions and reactions) information of some inhabitants (respondents) for the purpose of understanding the existing challenges towards improving the population resilience. Vulnerability analysis of the aquifer showed that the area is highly vulnerable to contamination activities especially areas around the chemical complex (high to extremely high vulnerability).The results from hydrogeochemical analyses showed that the area is still undergoing varying levels of contamination activities as indicated in the major processes controlling groundwater chemistry in the area. Multivariate statistical analysis using principal component analysis (PCA) further confirmed the major hypothesis of the study that groundwater is influenced by anthropogenic contamination mainly from surface waters in channels located in the study area. Combining the hydrogeological and social information presented a complex link between the data that does not follow a rational line of thoughts, which could be possibly due to the fact that there are no effective communication of risks and possible precautions that could results from using the groundwater resources in its contaminated state. Therefore the need for effective stakeholder participatory campaigns and awareness to improve the population resilience. }
{pt_PT=Contaminação água subterrânea, socio-hydrogeologia, hidrogeoquímica, vulnerabilidade, Complexo Químico de Estarreja (CQE), análise estatística multivariada, qualidade água subterrânea, en_GB=Groundwater contamination; Socio-hydrogeology; Vulnerability; Estarreja Chemical; Complex (ECC), Northwest Portugal; Multivariate statistical analysis; Groundwater quality}

Setembro 4, 2019, 11:0

Orientação

ORIENTADOR

Sofia Isabel Bento Coelho

ISEG

Professor Associado

ORIENTADOR

Nuno Miguel de Jesus Barreiras

CERIS-IST

ORIENTADOR

Maria Teresa Condesso de Melo

Civil, Engenharia, Respostas e Inovação para a Sustentabilidade (CERIS)

Especialista