Dissertação

{pt_PT=Aplicação da Tomografia sísmica em modelo laboratorial} {} EVALUATED

{pt=RESUMO Com o aumento da capacidade de cálculo e a evolução dos métodos de interpretação, a tomografia sísmica de primeira chegada tem vindo a ser cada vez mais utilizada este não se baseia em modelos estratificados, mas sim, em modelos em que se assumem gradientes de velocidades, permitindo assim, determinar as variações laterais e em profundidade de velocidade. O presente trabalho trata-se de um estudo experimental na aplicação de técnicas de inversão de tomografia sísmica em subsuperfície, com dados de ensaios experimentais adquiridos no laboratório de Geociências e Geoengenharias do IST(GeoLab) para a determinação de modelos de velocidades de propagação das ondas P, por formas a localizar e identificar estruturas existentes em modelos de escala laboratorial. Para melhor determinar o modelo de velocidade por meio da inversão tomográfica sísmica, este trabalho tem como objetivo principal aplicação da Técnica Tomográfica Sísmica de Reconstrução Iterativa Simultânea (SIRT) para determinar um modelo de velocidades, onde foi gerado um modelo inicial homogéneo de velocidade constantes, onde o mesmo foi perturbado de forma aproximar os dados observados aos calculados. , en=ABSTRACT With the increase of data processing capabilities and the evolution of interpretation methods, the first-time seismic tomography has been increasingly used, this is not based on stratified models, but rather on models in which velocity gradients are assumed, allowing the determination of lateral and depth variations of velocity. The present work is an experimental study in the application of subsurface tomography inversion techniques, with data from experimental tests acquired at the Geosciences and Geoengineering Laboratory of IST (GeoLab) for the determination of velocitie models that are best suited in locating and identifying speed anomalies. To determine the velocity model by tomographic inversion, this work has as main objective the application of the Seismic Tomographic Technique of Simultaneous Iterative Reconstruction (SIRT) to determine a velocity model, where an initial homogeneous model with constants velocity, where it was disturbed in ways to approximate the data observed to the calculated ones. }
{pt=Tomografia Sísmica; Superfícies., en=Seismic Tomography; Surfaces.}

Junho 24, 2019, 11:30

Orientação

ORIENTADOR

Leonardo Azevedo Guerra Raposo Pereira

Departamento de Engenharia Civil, Arquitectura e Georrecursos (DECivil)

Professor Auxiliar