Dissertação

{pt_PT=Verificação da segurança de estruturas de alvenaria não armada de acordo com os Eurocódigos 6 e 8} {} EVALUATED

{pt=As estruturas de alvenaria são potencialmente muito interessantes uma vez que estas soluções permitem não só conferir resistência estrutural mas, simultaneamente, providenciar a subdivisão do espaço, o isolamento térmico e acústico, bem como a protecção contra o fogo e as intempéries. Estes factores permitem, comparativamente com outros sistemas estruturais, que as estruturas de alvenaria sejam mais baratas e permitam uma maior velocidade de construção. No entanto, com o surgimento de estruturas de betão armado e de aço (e a evolução dos respectivos códigos estruturais), estruturas que se consideram com um melhor comportamento sísmico, a estruturas de alvenaria passaram a ter um papel secundário na construção nova. Apenas na segunda metade do século XX, com a constante evolução dos códigos construtivos e dos programas de cálculo automático e com a realização de ensaios experimentais mais evoluídos, as estruturas de alvenaria passaram a apresentar um melhor comportamento sísmico, permitindo a utilização de coeficientes de comportamento superiores, viabilizando assim a sua construção em zonas de maior sismicidade. Estudos desenvolvidos aquando do desenvolvimento da norma italiana, verificaram que os resultados obtidos com os coeficientes de comportamento preconizados no Eurocódigo 8 não correspondiam à realidade. Neste sentido, foram realizados estudos que levaram a valores mais elevados, que contemplam o fenómeno de redistribuição interna de tensões que ocorre (overstrenght ratio) Assim, o objectivo desta dissertação é estudar a viabilidade da utilização dos coeficientes de comportamento propostos no Eurocódigo 8 e na norma italiana NTC, tendo em conta as verificações de segurança propostas no Eurocódigo 8. , en=Masonry structures are potentially very interesting as these solutions allow not only structural strength but also to provide space subdivision, thermal and acoustic insulation as well as fire and weather protection. These factors allow, compared to other structural systems, that masonry structures are cheaper and allow a higher construction speed. However, with the emergence of reinforced concrete and steel structures (and evolution of the design codes), which are considered to have a better seismic behavior, masonry structures have taken a secondary role in new construction. Only in the second half of the XX century, with the constant evolution of building codes, automatic calculation programs and experimental testing, masonry structures tend to present better seismic behavior, allowing the use of higher coefficients of behavior, enabling its construction in areas of greater seismicity. Studies carried out during the development of the Italian standard showed that the results obtained with the behavior coefficients recommended in Eurocode 8 did not correspond to reality. In this sense, studies were conducted that led to different (higher) values, which contemplate the phenomenon of internal stress redistribution that occurs (overstrength ratio – OSR). Thus, the aim of this dissertation is to study the feasibility of using the behavior coefficients proposed in Eurocode 8 and the Italian NTC standard, taking into account the safety checks proposed in Eurocode 8. }
{pt=alvenaria não armada, Coeficiente de comportamento, acção sísmica, en=Unreinforced masonry, behavior coefficient, seismic action}

Dezembro 3, 2019, 13:0

Orientação

ORIENTADOR

António Manuel Candeias de Sousa Gago

Departamento de Engenharia Civil, Arquitectura e Georrecursos (DECivil)

Professor Auxiliar