Dissertação

Estudo comparativo de sistemas tarifários em transportes públicos EVALUATED

A sustentabilidade dos sistemas de transportes é um dos maiores desafios do setor. É fundamental procurar soluções de financiamento e gestão que garantam a continuidade e o melhoramento dos sistemas de transportes. As tarifas são frequentemente encaradas como a principal, se não a única, fonte de financiamento de um sistema de transportes. Desta forma, a conceção dos sistemas tarifários ganha especial relevância, não apenas como fonte de financiamento, mas também como instrumento indutor da procura, de gestão da utilização do sistema e garantia de equidade e justiça no acesso aos sistemas de transportes. Esta dissertação pretende refletir sobre as diferentes soluções tarifárias e perspetivas dos diversos intervenientes num sistema tarifário, começando por abordar os princípios base que devem constituir um sistema tarifário, os diferentes modelos e principais indicadores para aferir o desempenho dos sistemas. Através da comparação entre diferentes sistemas tarifários de diversas cidades e áreas metropolitanas europeias, será possível compreender os pontos fortes e fracos de cada solução e elencar um conjunto de boas práticas na implementação de um sistema tarifário, com especial enfoque na realidade atual e futura da Área Metropolitana de Lisboa (AML). A AML apresenta um sistema tarifário complexo e que não responde a todas as necessidades atuais de mobilidade desta área metropolitana, facto apontado muitas vezes como origem de muitas limitações do atual sistema de transportes públicos. Não obstante, existem há décadas diversos projetos de alteração do atual sistema tarifário.
Sistemas Tarifários, Títulos de Transporte, Serviços de Transporte, Integração Tarifária

Dezembro 7, 2017, 11:30

Publicação

Obra sujeita a Direitos de Autor

Orientação

ORIENTADOR

Maria do Rosário Mauricio Ribeiro Macário

Departamento de Engenharia Civil, Arquitectura e Georrecursos (DECivil)

Professor Associado