Disciplina Curricular

Planeamento Estratégico PEstr

Mestrado Bolonha em Ordenamento do Território e Urbanismo - MOTU 2017

Contextos

Grupo: MOTU 2017 > 2º Ciclo > Tronco Comum > Opção III (Grupo Pt)

Período:

Peso

3.0 (para cálculo da média)

Pré-requisitos

na

Objectivos

Objectivos: Articular conceitos e princípios relativos ao planeamento estratégico, ordenamento e desenvolvimento do território; Compreender a evolução do planeamento estratégico regional e urbano na Europa e em Portugal; Identificar os diversos sistemas de planeamento e de gestão territorial ao nível nacional, verificando a importância dos instrumentos estratégicos; Conhecer as várias etapas para a elaboração de um plano estratégico; Recolher e tratar informação de carácter estratégico, técnico e científico relevante para o apoio à elaboração de instrumentos de planeamento estratégico Competências: Aquisição de conceitos, princípios, objectivos e capacidade de elaboração de documentos estratégicos Análise de problemas do planeamento e ordenamento do território e a reflexão crítica sobre possíveis causas e consequências considerando as etapas e os métodos inerentes ao planeamento estratégico; Discussão de diferentes pontos de vista e espírito de cooperação com outros domínios

Programa

1. O conceito de planeamento estratégico (PE) – Origens. A sua importância no planeamento urbano e regional. O planeamento estratégico na governança urbana e regional. Enquadramento institucional e actores envolvidos no processo: o robustecimento da capacidade institucional como agente de mudança. 2. PE de cidades e regiões no quadro da agenda regional e urbana europeia: a integração dos desafios europeus nas estratégias de ordenamento e desenvolvimento territorial. PE na escala local: retoma da perspectiva da comunidade. 3. Etapas do PE. Objectivos e características de cada fase, destacando: a importância do diagnóstico na possibilidade de integrarem novas problemáticas. 4. Indicadores, instrumentos e métodos de análise no PE: exemplos para diferentes escalas. 5. PE em Portugal: das origens à sua afirmação no contexto dos instrumentos de planeamento nacional (PROSIURB, POLIS, Política POLIS XXI, nova política de cidades, e outros instrumentos de escala municipal e regional).

Metodologia de avaliação

A avaliação é composta por: - 1 apresentação oral de um documento (individual) - 30% - 1 trabalho escrito com apresentação oral (individual ou em grupo de duas pessoas) - 60% - Exercícios e participação - 10%

Componente de Competências Transversais

na

Componente Laboratorial

na

Componente de Programação e Computação

na

Princípios Éticos

na

Disciplinas Execução

2022/2023 - 2º semestre

2021/2022 - 2º Semestre

2020/2021 - 2º Semestre