Dissertação

Especificação rigorosa de requisitos de usabilidade para software EVALUATED

Nos últimos anos, testemunhamos a globalização do acesso à tecnologia. Por consequência, a interação com sistemas de software deixou de ser um privilégio de alguns profissionais e tornou-se uma realidade para qualquer pessoa em geral. Esse fenómeno criou utilizadores de software mais exigentes, não só no que diz respeito às funcionalidades apresentadas num software, mas também relativamente à satisfação dos seus utilizadores finais. O principal desafio abordado nesta pesquisa é propor uma melhor abordagem para perceber e definir requisitos de usabilidade. É uma tarefa difícil porque as especificações dos requisitos do sistema tendem a ser mal estruturadas e com pouca evidência formal em relação aos requisitos de usabilidade. Outro problema comum é a introdução de requisitos de usabilidade na etapa final do processo de desenvolvimento, o que resulta no aumento no aumento de custos e atrasos nos projetos de software. Esta pesquisa identifica preocupações transversais para suportar a especificação de requisitos de usabilidade de forma rigorosa e estruturada, reduzindo assim, a sua incoerência e ambiguidade. Para conseguir isso, usamos a linguagem RSL (Requirements Specification Language), e as respetivas ferramentas, que permite melhorar a consistência do processo de especificação. É também proposta uma biblioteca de requisitos de usabilidade que considera as preocupações identificadas na literatura. Esta investigação foi realizada numa empresa de software que opera na área da saúde e aplicada e avaliada num dos seus produtos de software. O contributo mais importante desta pesquisa é a proposta de uma biblioteca de requisitos de usabilidade reutilizável, especificada na Linguagem RSL.
Requisitos de Usabilidade, Reutilização, RSLingo RSL

Novembro 23, 2017, 12:0

Publicação

Obra sujeita a Direitos de Autor

Orientação

ORIENTADOR

Alberto Manuel Rodrigues da Silva

Departamento de Engenharia Informática (DEI)

Professor Associado