Dissertação

Caracterização do comportamento de novos segmentos de corte diamantados sinterizados através da tecnologia de micro-ondas. EVALUATED

O objectivo deste trabalho foi caracterizar o desempenho ao corte de segmentos diamantados, produzidos pela técnica de sinterização por micro-ondas (MW), de modo a avaliar se a referida técnica pode ser uma alternativa ao processo de fabrico convencional, ou seja, a prensagem a quente (HP). Para o efeito, foram ensaiados quatro discos de corte com base em segmentos obtidos por HP e por MW (dois de cada). O estudo de caso baseou-se no processo de serragem circular de granito (Rosa Porrinho – devidamente caracterizado neste trabalho), utilizando um caudal de água de 2,2 l/min, e diversos parâmetros da máquina de corte (velocidade avanço – vc - de 22, 30 e 38 mm/s; velocidade periférica - vp - de 20, 30 e 40 m/s e profundidade de corte – hp - de 9 e 18 mm), tendo-se medido as forças de corte associadas ao processo (Fr) e o consumo de ferramenta (perda de massa associada ao desgaste). Constatou-se que as ferramentas HP desgastam-se mais que as MW (em média, entre 1% e 20%). Por outro lado, em condições de maior severidade (vc =30 mm/s, vp =20 m/s e hc =18 mm) obteve-se um valor médio de Fr para as ferramentas de MW cerca de 32% superior ao das ferramentas HP. Esta diferença diminuiu para 7% quando as condições de corte foram vc =30 mm/s, vp =40 m/s e hc =18 mm. Deste modo, conclui-se que a sinterização por MW poderá ser uma alternativa interessante aos processos de fabrico actualmente utilizados.
Segmentos de corte diamantados, Sinterização por micro-ondas, Prensagem a quente, Corte de pedra, Granito Rosa Porrinho

Outubro 31, 2019, 14:0

Publicação

Obra sujeita a Direitos de Autor

Orientação

ORIENTADOR

Pedro Miguel Gomes Abrunhosa Amaral

Departamento de Engenharia Mecânica (DEM)

Professor Auxiliar

ORIENTADOR

Adriano Coelho

ORIENTADOR

José Jorge Lopes da Cruz Fernandes

Departamento de Engenharia Mecânica (DEM)

Professor Auxiliar