Dissertação

Laugh to me: exploring computational humour EVALUATED

A comunidade de Inteligência Artificial tem mostrado um crescente interesse na área das Narrativas Interactivas. No entanto a maioria dos esforços têm sido dedicados ao género dramático. Tentativas de criar sistemas de comédia para serem representados por agentes autónomos têm sido escassas, apesar do humor ter um papel tão importante no entretenimento, por exemplo. Esta tese tem o propósito de contribuir para a criação de sistemas de Comédia Interactiva. Começamos por apresentar um panorama de teorias de humor de vários campos, como da linguística, filosofia e psicologia, bem como alguns conhecimentos básicos de escrita de comédia. Utilizando conceitos destes trabalhos bem como noções de Narrativas Afectivas, propomos um modelo conceptual de um sketch que pode ser representado por agentes autónomos. Neste modelo discutimos como criar agentes e cenários cómicos. Consideramos os agentes não apenas como personagens, mas também como actores que podem seleccionar acções baseando-se no seu valor emocional por forma a contribuir para uma Escalada Emocional e dessa forma providenciar o buildup apropriado para a punchline. Controlando a forma como a Escalada Emocional se desenvolve, através de linhas guia parametrizados, o agente também pode definir o ritmo do sketch. As condições para a punchline ser activada emergem da interacção entre os personagens. Para testar a practicalidade do nosso modelo implementámos um protótipo capaz de mostrar um sketch cómico estruturado.
Escalada Emocional, Linhas-guia Emocionais, Humor Computacional, Narrativa Afectiva, Agentes actor autónomos

Maio 31, 2012, 13:0

Publicação

Obra sujeita a Direitos de Autor

Orientação

ORIENTADOR

Ana Maria Severino de Almeida e Paiva

Departamento de Engenharia Informática (DEI)

Professor Associado